Dia Internacional do Feminino

Mulher, fraternidade, praia, arte, música, dança, criatividade, esperança, reprodução, reencarnação, religião (religare), saúde, viagem, internet, tecnologia, cultura, diversidade, tolerância, inspiração, vida. Tudo o que é amplo é feminino. Porque a própria Criação é a fêmea de Começo. Quem pensou o Dia Internacional da Mulher será que se restringia a homenagear a mulher ou tinha em mente algo mais amplo: homenagear o feminino? De modo ampliado, o dia de hoje é também uma saudação aos homens que têm sua ânima integrada, acolhida a ponto de compreenderem muito bem e respeitarem incondicionalmente a mulher. Caetano Veloso, Chico Buarque, Vinícius de Moraes, Gilberto Gil, Carl Jung, Fritz Pearls, Chico César, Djavan, Francisco de Assis, Gandhi e todo aquele que não se preocupa em ser visto às vezes como um “homem feminino”, embora sendo indiscutivelmente viril. Salve o Dia do Feminino. Mas sem coisas como quem é melhor, quem vale mais, quem manda mais ou qualquer tolice do tipo disputa de gênero. Funciona melhor pensar em complementaridade, “e” em vez de “ou”, branco e preto, yng e yang, terra e oceano, sol e lua.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s