Síndrome do Cólon Irritável tem cura

Síndrome do Cólon Irritável tem cura. Afirmo isso com base em experiência prática. Hoje, eu e uma de minhas pacientes rimos juntas do prognóstico desastroso que outra psicóloga havia dado sobre o caso dela, usando as seguintes palavras: “esse seu problema não tem cura; mas você pode aprender a conviver com ele. E você pode se tranqüilizar lembrando-se de que em qualquer lugar que você vá, haverá sempre um banheiro”. Ontem gargalhamos disso quando eu lhe perguntei meio que debochando (confesso!): “quem pode ficar bem estando sempre de piriri?” E comemoramos o fato de ela ter errado. Mas na época, para minha paciente ( a quem chamarei de N.) aquela sentença desastrosa soou como de morte, fim da esperança de ter novamente vida normal; causou-lhe imenso desespero na alma. Foi, então, que decidiu procurar uma psiquiatra indicada pelo gastroenterologista, convencida por ele do fator emocional envolvido nessa Síndrome. A psiquiatra, por sua vez,  tinha meu contato e a encaminhou para psicoterapia, avisando-a, sabiamente, de que só com remédios ela não se livraria do transtorno.

Começamos a psicoterapia em janeiro de 2009. Hoje, apenas um ano e um mês depois, ela entrou no consultório radiante, maquiada com bom gosto, com roupas joviais e elegantes, olhos brilhantes e um sorriso iluminado. Estava tão feliz!  Havia engordado uns quilinhos, o que era um “sonho” desejado nos últimos anos, depois de ter chegado a pesar 43 quilos (ela tem 1,60 de altura). Fazia quatro anos que só emagrecia, impedida de comer muitas coisas e de tanto se esvair em diarréias freqüentes. Peregrinou por consultórios e laboratórios, fez todo tipo de exames, alguns muito invasivos e dolorosos, quase tendo o intestino perfurado num exame de colonoscopia .   Até os médicos chegarem ao diagnóstico de Síndrome do Cólon Irritável ela viveu autêntica “via crucis”.

Agora, no entanto, tudo é passado. Ela está sem tomar o Lexapro e o Rovotril;  completamente livre dos medicamentos e dos sintomas desde dezembro passado. A psiquiatra também comemorou com ela o sucesso do tratamento. Relembramos momentos significantes da terapia, a elaboração de experiências dolorosas, o trabalho frente a traumas relembrados, a construção de novos paradigmas, enfim, da caminhada com empenho e dedicação no caminho da construção de uma nova pessoa, mais consciente de quem realmente é, dos próprios limites e de suas habilidades. Eu a fiz ver a importância do empenho dela, da coragem e força que a fizeram ter efetivamente entrado em terapia, para que obtivéssemos o sucesso alcançado. Claro que o adoecer teve função construtiva, como sempre ocorre, mas somente agora era possível rir de tudo, passada a dor, elaborados os temores e curadas as feridas (e o maldito piriri!) Em breve ela estará liberada também da terapia.

Pedi permissão a N.  para escrever neste blog, em linhas gerais e sem identificá-la, sobre o caso dela para que outras pessoas hoje com Síndrome do Cólon Irritável não se desesperem: tem cura! Ela adorou a idéia e disse que se ela própria não tivesse fugido da terapia por tanto tempo, teria sofrido bem menos. Também foi importante o trabalho eficiente da psiquiatra, que prescreveu os remédios certos e foi também ponto de apoio confiável.

Entre as causas psicogências do transtorno estão experiências traumáticas reprimidas, incapacidade de se colocar, de fazer valer a própria vontade, em expressar-se de modo autêntico; em Gestalt-terapia chama-se isso  de “engolir sem mastigar” muitas coisas. Do ponto de vista da Psicologia Analítica, envolve complexos constelados e viver “tomada por uma persona”, entre outros aspectos que vou abster-me de detalhar em respeito ao sigilo profissional e anonimato da minha paciente.

416 comentários sobre “Síndrome do Cólon Irritável tem cura

  1. Bom dia,
    Adorei o teu comentário, e estou passando por isso com o meu marido, e está muito dificil. Moramos no Rio de Janeiro, e gostaria de saber se tu podes recomendar um profissional com esta mesma base q trabalhas, para tratar do caso do meu marido.

    Obridaga

    • Obrigada. Conheço uma pessoa que fez especialização em Psicologia Profunda comigo aqui em Brasília e se mudou para o Rio. Vou localizar contato dela aí, saber se está atendendo e volto a lhe escrever “em off” – no seu e-mail. Abraço.

      • Oi, Núbia! Minha colega de formação parece estar “fora do ar”, então sugero que vc procure o Instituto Junguiano do Rio. Lá, certamente eles têm profissionais para lhe indicar ou mesmo que atnedam no próprio instituto. Abaixo os contatos de lá:

        Instituto Junguiano do Rio de Janeiro
        Av. Nª Sra. de Copacabana, 1052, sala 1204 – Copacabana
        Rio de Janeiro/RJ CEP 22060-002

        Tel.: + 55 (21) 2247-2433 – Secretária Cintia, 2ª a 5ª feira, das 13 às 18 horas e 6ª feira das 8 às 18 horas.
        institutojunguiano@uol.com.br

        Espero ter lhe ajudado,

        Boa sorte. Carmelita

  2. bom dia,
    tenho a sii, e não faço uso de medicamentos, sei mais ou menos os alimentos pros e contra, mas ultimamente tem sido difícil administrar sozinha.
    moro no rio, gostaria de utilizar essa terapia, sol. indicar profissional.abraço.

  3. Certo, Cássia. Vou descobrir o contato de uma profissional e escrevo para seu e-mail. Me dê alguns dias, OK?
    Abraço

  4. Tenho síndrome do intestino irritável… emagreci muito não consigo dormir… Moro em Belém-PA .
    Vc conhece algum profissional da minha cidade que possa me ajudar assim como vc ajudou a paciente N?

    • Infelizmente não conheço nenhum profissional de Belém, Michele. Sugiro que você procure alguma indicação no Conselho Regional de Psicologia da sua capital ou veja na net se há algum instituto de psicologia junguiana aí. Boa sorte. Abraço, Carmelita

  5. oi sofro de sii 6 anos tenho 30 ja não aguento mais presiso de ajuda estou perdendo tudo q gosto de fazer ate minha espoza etar recramando muito porque não saio mais meu filho dis que desistiu de pedir para sair com migo chorro todos os dia esto com depreção não quero nem trabanhar mais evie um ajuda para a cabar com isso jafui al medico nutricionista fis dieta tive pouca melhora de 1a10 4 de melhora obricado marcio.douglas4@yahoo.com.br

    • Ol, Mrcio. Onde vc mora? S tenho condies de lhe ajudar se voc morar em Braslia. Se vc for daqui, m e letefone e marque uma consulta (9972-6076). A cura dessa sndrome (e de outras) possvel, mas exige proceso analtico, isto , vc ter que fazervrias sesses de psicoterapia. Isso porque os sintomas, isto , as reaes do seu corpo, na verdade sao consequencia, so respostas do seu emocional e do seu psicolgico. Ento vc precisa descobrir o que est por trs da doena, o que o seu si-mesmo est reivindicando com os sintomas.

      Consegue me entender? Eu lhe explico melhor isso pessoalente, OK? Abrao,

  6. Por favor me ajudem ! Moro em São Paulo e há 8 meses tirei a vesícula e descobri que estou com essa síndrome, pois estou passando muito mal desde então.
    Há alguma indicação aqui em SP ? Quem eu devo procurar ? Obrigada !
    Abraços,

    Adriana.

    • Oi, Adiana. Infelizmente no conheo psicoteraputa junguiano nem de outra abordagem em SP. Mas d uma olhada no link http://www.institutodosser.com.br/o-instituto

      L eles certamente vo poder lhe ajudar, inda que indicando algum profissional junguiana que tenha consultrio mais perto de voc, caso o Instituto do Ser seja longe de sua casa. Posso lhe pedir que me informe sobre os resultados de sua busca? Isto , gostaria que, aps falar com eles e iniciar terapia me, que vc me contasse se gostou, se est dando certo, etc… Assim poderei ajudar outras pessoas que me paam indicao. Isso ocorre com frequencia e lamento no conhecer profissionais de SP e do Rio, de onde mais surgem as solicitaes.

      Boa sorte.

  7. Tenho SII desde os 10 anos, e sempre pensei isso como uma desgraça, tenho limitações, já trabalhei, namorei, sai como qualquer jovem, hoje em dia não passo da esquina de minha rua. Sou limitado até sonhando, porém essa leitura que acabo de fazer me animou e muito. Mas fiz pesquisas e vi q alguns dizem q não tem cura, e afirmam isso com base científica, e vc diz com base em exp. pessoal q existe sim a cura. Você conhece alguém de Sp que eu possa conversar?

    • Oi, Eliel. Recebo muitos pedidos de indicao de psicoterapeutas de SP. Acho que preciso participar de uns eventos por a, congressos, seminrios, cursos, etc. para conhecer profissionais de SP. Mas no momento, infelizmente no conheo. Aconselho voc a visitar o Instituto Ser ( http://www.institutodosser.com.br/o-instituto) e, caso seja longe de onde vc mora, conseguir l indicao de profissionais de outras localidades em SP.

      Quanto a ter ou no cura, acredite sem receio: com processo analtico bem realizado (o que exige principalmente disposio sua de mexer em contedos inconscientes, recalcados ou reprimidos, enfim, se vc se dispuser a entrar efetivamente em terapia) voc fiar curado desse transtorno de origem psicolgica. Minha paciente (citada no post q vc leu) tambm havia ouvido de uma psicloga que ela teria que “aprender a lidar com a doena” porque ela jamais fiaria curada daquilo. Veja voc, de uma psicloga! Mas comportamentalista, abordagem til, mas que lida com as queixas psicolgicas de modo diferente. No caso de transtornos psicognicos necessrio recorrer terapia de base analtica.

      Ela est de alta h muitos meses completametne curada e livre dos remdios. Voc tambm pode ficar bom.

      Veja o site do Instituto, visite-os ou lhes telefone e se puder, me conte o resultado.

      Abrao.

  8. Olá , faz oito meses que tenho essa sindrome , isto é , só agora parece que realmente fui diagnosticada. Já passei até por reumatologistas que me trataram como se tivesse lupus … outros reumatologistas disseram que não tenho , me encaminharam para o gastro , fiz todos os exames possíveis (colonoscopia, etc…) O gastro primeiro me receitou um anti depressivo , depois um calmante(bromazepan) , o que na primeira semana até que deu uma melhora . Estou realmente desesperada , pois parece que nada resolve , perdi peso , e tenho medo de tudo que vou comer ! Moro em Carapicuiba na grande São Paulo. peço encarecidamente que vc possa me ajudar , pois estou desequilibrada , só choro e sequer tenho condições de trabalhar ou cuidar do meu filho!!!Forte abraço.

    • Infelizmente no tenho como lhe ajudar a distncia, meu anjo. Aconselho vc a provurar um psicoterapeuta de base analtica (psicanalista ou junguiano) com quem vc possa iniciar processo terapeutico… o nico caminho de cura q conheo. E um psiquiatra que precreva remdio certo… meus pacientes tm tido bons resultados do Lexapro associado terapia; discuta isso com seu mdico. Se n o puder pagar, procure faculdades de psicologia que tenhas centros de formao. Nesses locais os estaqgirios atendem a preos simblicos. No se desespere. Tem cura, realmente. Boa sorte, abrao

  9. Olá. Eu também procuro ajuda em São Paulo. Seria possível também alcançar a cura através da psicanálise de Freud? Não conheço psicanalistas Junguianos em São Paulo. abc.

  10. Oi Marcelo. Veja comentários acima. em um deles há os contatos do Instituto Ser, onde vc pode obter informações sobre psicoterapeutas analistas na região do ABC. Refiro-me ao Insttuto Ser. Agradeço-lhe se, após contatar esse instituo, me der retorno sobre que vc achou e se conseguiu uma boa indicação.
    Abraço,
    Carmelita

  11. Ola Carmelita,
    Passo pelo mesmo problemas das pessoas acima. Sou de Campinas SP , conhece algum bom profissional nessa area?

    Ou ate mesmo me envio o seu contato.

    Desde ja agradeço pela atenção.

  12. Boa tarde,

    Tenho SII aproximadamente a 8 meses relacionado a dor e já tomei vários medicamentos gastros e não obtive êxito. Atualmente estou fazendo um tratamento com uma psicóloga e já estou na 4 consulta e ainda não tive resultados positivos. Gostaria de saber se este tratamento é demorado e se não seria melhor procurar um psiquiatra?

    • Jlio, os pacientes com essa queixa (SII) que atendi com excelentes resultados faziam tratamento simultneo comigo e com um psiquiatra, ou seja: faziam psicoterapia e tomavam remdios, na maioria dos casos antidepressivos ou ansiolticos. Alguns tomavam – por algum tempo – tambm remdio para regulao do instestino, mas s no comeo do tratamento, havendo a retirada (por falta de necessidade) desse tipo de medicamento em pouco tempo. O antidepressivo mantido por mais um tempinho, mas tambm deixa de ser necessrio com a evoluo do processo teraputico. E quanto ao tempo de resposta, de melhora do quadro, depende de cada caso… como vc deve ter lido acima, no caso que citei a pessoa levou um ano e poucos meses para ficar totalmente curada e livre de todos os remdios. Mas j nos primeiros meses o quadro comeou a melhorar. No entanto, esse bom resultado deve-se principalmente ao fato de que ela no apenas ia s sesses, mas REALMENTE ENTROU EM TERAPIA, isto , houve total adeso por parte dela ao processo teraputico, com esforo para verdadeiramente olhar a fundo as questes pessoais. E levou sonhos s sesses para se entender o que o inconsciente dela tinha a revelar, foi, enfim, um trabalho rduo por parte dela para chegar causa da sndrome e se livrar dos sintomas. Repito que isso necessrio porque esse transtorno de fundo emocional, Jlio. E questes psicoemocionais nem sempre so resolvidas rapidamente… cada pessoa tem seu ritmo prprio de ir ganhando confiana e coragem para entrar em contato com contedos dolorosos ou sombrios que so reprimidos e esto no plano inconsciente. At serem trazidos para a conscincia e reelaborados leva um certo tempo. Aconselho voc a pedir a sua psicloga uma indicao de psiquiatra para que juntos eles consigam lhe ajudar melhor. Qualquer nova dvida, pode voltar a escrever. Abrao,

    • Eu também tenho a síndrome. Tive vários episódios de cólicas tão intensas que me faziam desmaiar mas assim que voltava a mim, a dor continuava e evacuei na roupa várias vezes. Era humilhante. O cheiro era muito mais forte que o normal e as fezes eram duras. Já fiquei horas no banheiro de restaurantes, em festas… E qdo voltava pra casa não saía nada… Até que comecei a terapia e ela mostrou que eu podia me controlar se me esforçasse. Aprendi a controlar a diarréia mas se vou ao banheiro uma vez por semana é milagre. Sempre com ajuda de chás e laxantes que parecem água c açúcar pra mim. Tenho a sensação q meu intestino não se movimenta nunca, nem com remédios. Nem se como coisa estragada ele funciona. Vivo com dores, gases, enjoo e muito mal estar. Como fibras, bebo água e nada adianta. Pra se ter uma idéia tomei sal amargo e nao senti nada! Formula 46 tem q ser no minino 9 comp de uma vez. Tomei colonac pra quem faz colonoscopia na quantidade indicada e nada. Tomei metade do vidro e só senti os gases. Confesso q só consigo eliminar as fezes com um jato d’água numa especie de lavagem mas como tenho feito isso ha muito tempo nem isso esta funcionando. Marquei uma gastro mas vou sem esperancas pq eles não tem noçao do nosso sofrimento e só mandam a gente comer melhor. Se fosse assim, porque mendigos evacuam fezes enormes???

      • Pelo visto voc fez terapia de base comportamental. Sugiro que vc faa anlise! Terapia de base analtica para chegar causa subjacente dos sintomas. Mas isso exige coragem e disposio pra enfrentar a si prpria, pra entrar em contato com seu eu verdadeiro, sem mscaras, sem fugas. Sem n isso, qq coisa q tentar ser paliativo. Boa sorte

  13. Eu achei interessante seu ponto de vista com sua paciente,tenho o mesmo problema,mas não emagreci,pelo contrario engordei 35kg,não me enquadro nas suas definições,sou bem resolvida,bem sussecida no trabalho,não tenho problema em me impor se for o caso,tenho casamento e família feliz,eu acredito sim que a sii tem causa,ainda não exclarecida,é claro que algumas pessoas não conseguem viver com problema e acabam com piscicológico alterado,mas a causa mesmo ainda não se sabe.

  14. Olá.
    Também vivo o horror da sii. Atualmente, mesmo com as restrições alimentares, tenho sentido muitas dores e incômodos. Moro no Rio de Janeiro. Há algum atendimento nos hospitais públicos por aqui?
    Você poderia recomendar algum terapeuta com especialidade nessa patologia? Fiz psicoterapia por muitos anos, porém, foi a partir dela que desencadeei o problema físico, já que a dor existia há muitos anos de forma inconsciente.
    O gastro me encaminhou para atendimento psiquiátrico, mas desisti quando a psiquiatra me disse que não havia cura ou muita possibilidade de melhora dos sintomas. Com antidepressivo ou ansiolítico fico ainda pior. Será que existe alguma solução?
    Por favor, me ajude.
    Se for possível, me indique algum profissional próximo ao Recreio dos Bandeirantes, no RJ.
    Obrigada.

    • Mrcia, ligue para ( 21) 2128-2575 e pea para falar com Danielle Bittencourt; diga que vc precisa do contato de uma psicloga clnica junguiana (pronncia “iunguiana”); pergunte se ela atende ou, caso contrrio, se pode indicar algum. Ela ps-graduada em psicologia junguiana, mas no sei se faz atendimento clnico. Acredito que ela ter condies de lhe ajudar. Inclusive lhe informar se h atendimetno na rede pblica… a distncia isso difcil para mim.

      Bom, acho estranha essa interpretao de que os sintomas surgiram aps sesses de psicoterapia; para mim isso novidade, nunca soube de nenhum caso em que sintomas tenham surgido a partir de contedos recalcados ou reprimidos terem sido trazidos conscincia. Na verdade, penso que o fator desencadeante dos sintomas tenha sido outro. Em todo caso, muito bom que vc esteja disposta a recomear anlise. No acredite nessa sentena pessimista de que essa sndrome no tem cura. Tenho pacientes que ouviram muito isso e depois se livraram totalmente da doena.

      Gostaria que me informasse depois sobre o andamento do seu caso, se for possvel.

      Desejo lhe boa sorte e fora. Voc vai conseguir porque pulsa em voc o impulso para a vida. Persita em encontrar sua sade – psicolgica, emocional e fsica. Abrao

  15. Boa noite,
    Tenho SII com constipação e minha vida também está comprometida mesmo com as dietas que faço… sou da região de Piracicaba e queria saber se conheces algum profissional por aqui, ou Campinas, Rio Claro, Araraquara, Sorocaba…… são cidades + ou – próximas… meu desespero é enorme vou até lá se preciso for… queria uma consulta com um profissional que se interessasse realmente pela questão… estou cansada de ser vista com indiferença… obrigada pela atenção!!!

  16. Olá
    sou mais uma sofredora de SII de São Paulo. Teria alguma indicação mais recente de alguém em SP ? Qual tipo de profissional devo buscar primeiro, o psicólogo ou psiquiatra ?
    Mto obrigada

    • Onde voc mora? So Paulo vasto….

      indiferente se vc vai primeiro ao psiclogo ou ao psiquiatra. Importa que vc faa o tratamento com os dois, concomitantemente, pois precisar de medicao e psicoterapia. Sugiro psicoterapia de base analtica, isto , um psiclogo ( ou uma psicloga) junguiano (a) ou psicanalista. Acho que a Psicanlise mais lenta e mais cara. E analistas junguianos no existem em grande nmero. Se vc no conhece nenhum profissional de psicologia, v ao psiquiatra primeiramente e pea a ele uma indicao de terapeuta junguiano da sua cidade. Se ele no conhecer, pea para ele tentar descobrir um (se for da rede privada, particular, tem esse encargo como obrigao adicional). Boa sorte.

      • Oi,
        eu sou da zona sul de São Paulo. Moema, Campo Belo.
        Será que qualquer psiquiatra está apto a tratar disso ? Ou tenho que procurar alguém com experiência no assunto ?
        Mto obrigada

      • Moema, sugiro que voc procure inicialmente um psicoterapeuta junguiano para que ele lhe encaminhe a um psiquiatra apto a lidar com essa queixa em associao com psiclogo. Com certeza h bons profissionais na sua cidade, tanto psiquiatras quanto psicoterapeutas junguianos. VEja este site: http://www.sampaonline.com.br/comercios/psicologos.php?idBairro=moema

        Vi os c ontatos da Patrcia Meireles, junguiana. Fale com ela… se no puder fazer terapia com ela, pea indicao de outros junguianos. Boa sorte.

  17. tenho sindrome do intestino irritavel gostaria de saber se aqui em joao pessoa na pb en alguem q possa me ajudar ,abraço, aguardo resposta por email..

    • Veja, esse Digedrat vai atuar no trato digestivo, apenas. Meus pacientes costumam tomar, alm de um remdio para regular funes intestinais, um ansioltico e as vezes tb antidepressivo. Eles tm relatado bons resultados com o Lexapro, um antidepressivo que elimina os sintomas – faz cessar as diarias. V a um psiquiatra e converse com ele;pergunte se no seu caso adequado tomar os 2 medicamentos, fale do Lexapro, se ele for aberto a sugestes. Mas no se esquea de que a medicao apenas paliativo e coadjuvante da terapia. Quanto a uma indicao, infelizmente no conheo nenhum psiclogo junguiano na Paraba. Na verdade nem conheo seu estado. Mas d uma olhada no site abaixo: http://www.google.com.br/#hl=pt-BR&biw=1280&bih=623&q=+Para%C3%ADba+psicologia&aq=f&aqi=&aql=&oq=&gs_rfai=&fp=b901718c2c029c31

      H muitos telefones de psiclogos. Ligue e pea uma indicao de terapeuta junguiano. Boa sorte, abrao

  18. Tambem tenho esse problema.
    Tomo imosec,mas sinto que essa medicação por um lado me prejudica.
    Já passei por situações constrangedoras,sem falar que isso atrapalha minha vida social e profissional.
    Acredito em causas emocionais.
    Já passei por cincunstancias de risco de vida,e acho q tem a ver com esses traumas.Sou uma pessoa nervosa.Me sinto insegura no q faço.Sinto o medo me paralisar em determinadas situações,como por exemplo:dirigir.Já fiz várias tentativas de tirar minha carteira de habilitação,mas sou logo reprovada.
    Moro em Fortaleza.
    Sabe me dizer se existe tratamento pelo SUS,aqui em minha cidade?
    Fico agradecida com alguma resposta q possa vir a me ajudar.

    • Oi, Jaqueline. D uma olhada neste site: http://www.sizigia.com.br/quemsomos.asp Nele h alguns contatos te psiclogos junguianos de Fortaleza. Converse com eles; veja se eles tm essa resposta que voc busca (sobre atendimento no SUS) e pergunte se eles conhecem algum que atenda por convnio ou a preo que vc consiga pagar.

      Priorize a qualquer custo um processo psicoterpico, mesmo fazendo sacrifcio financeiro , se voc deseja se livrar desse problema. Remdio sozinho jamais resolver. Ainda que lhe pese no oramento, leve em conta que ser por alguns meses, talvez um ano e pouco. E se vc no fizer isso ficar com o transtorno pelo resto da vida. Vale a pena o investimento; investimento na qualidade de vida, na sade. Espero ter ajudado de alguma forma. Abrao,

      Carmelita

  19. Olá,passo também por esse mesmo problema,que sinceramente incomoda bastante,mal estar ,gostaria de saber se conhece algum profissional bom em Goiânia.
    Abraço

  20. Prezada,

    Gostaria de saber se você indica alguma psicoterapeuta em Belo Horizonte que possa ajudar em terapias com a Sindrome do Instestino Irritável.
    Obrigado Hérica

  21. BOA TARDE, LI O SEU BLOG SOBRE A CURA PARA COLON IRRITAVEL, EU TENHO ESSE PROBLEMA A UNS 3 ANOS, MAS SO FOI DIAGNOSTICADO NA ESCOCIA, MORO AQUI, MAS ESTOU INDO PRA BRASILIA ESSE ANO, MINHA FAMILIA EH DE LA.COMO FACO PARA MARCAR UMA CONSULTA COM VOCE? NO MEU CASO , EU SINTO UMA DOR HORRIVEL DO LADO DIREITO , DESCENDO PRA PERNA,TODA VEZ QUE COMO OU QUERO IR AO TOILET. OBRIGADA , AGUARDANDO RESPOSTA
    ISABEL

    • Oi, Izabel! Quando voc chegar a Braslia me telefone e marcamos um consulta. Meu consultrio fica na Asa Sul. Voc pode ligar no telefone 61 9972-6076 .

      At l, abrao, Carmelita

  22. Olá, Dra! Tudo bem? Sou do RJ e no dia 10/12/2010 acordei de madrugada com muita dor e uma crise de diarréia, a qual, embora não constante, restou diagnosticada como infecção intestinal na forma viral. No entanto, os sintomas terminaram mudando e desde então venho fazendo exames, sendo diaganosticada uma esofagite. Ocorre que, com dois meses de tratamento para a esofagite as dores continuaram e é normal sentir vontade de ir ao banheiro e ter crises de diarreia, o que, após, passa por um pequeno período de constipação. As fezes hoje mudam constatemente, por vezes o bolo fecal está perfeitamente formado e por vezes pastoso. Em outras vezes, as fezes são líquidas e o fato de comer qualquer coisa já me leva ao banheiro. Depois de procurar diversos médicos, o último diganosticou a SII, sendo medicado com Lonium por duas vezes ao dia. Na primeira semana correu tudo bem, mas no 8º dia de tratamento voltei a ter todos os sintomas e um dia ruim. Sinto queimação no canal e vontade de ir ao banheiro. Já perdi mais de 17kg por medo de comer e estou muito triste, já que esse ano é o ano do meu casamento (caso em novembro). Quero muito poder curtir de verdade o meu casamento e a minha lua de mel, mas estou com medo! O médico acha que é psicológico e que algo aconteceu em dezembro, mas não me recordo de nada e disse a ele que somente se fosse um somatório de fatores, já que estava estudando muito para concurso de fiscal e não passei por apenas um ponto, trabalhava em um escritório que exigia muito do meu lado psicológico, mudei de emprego, resolvi casar, perdi meu avô, comecei a me preocupar com o casamento e, ao mesmo tempo, voltei a estudar para o concurso. Dra., como pode ver, estou realmente triste e não aguento mais essa situação. Preciso de ajuda urgente. Não quero acreditar que isso não tenha cura e que vou ter que acostumar com uma coisa que não pertence a mim. Por favor, se puder, me ajude e me oriente.
    Obrigado,
    Thiago.

    • Querida! Tenho 40 anos e tenho SII, é um sofrimento terrível, mas, minhas crises, antes, no espaço de 03 meses, johe só acnte uma vez ao ano!Graças a deus! Acredito que chegará o momento de não mais sentir esse incomodo horrível! Pq? Pq a melhora foi muito significativa com o passar do tempo. NUNCA USEI REMEDIOS, mesmo pq eles n faziam efeito e n tinh paciencia! Mas tive uma grande mudança devida: Quando tiv a crise mais forte, mais grave (Tive crise de panico!) estava só, com 30 aNOS, terminando umfaculdade, trabalhando, meusrelacionamentos n davam certo, minha vida estava um estresse só!!Parece q igual a sua! Hoje, trabalho menos, tenho um compnheiro maravilhoso, duas filhas lindas, sou muito mais tranquila, as crises quase sumiram. É mravilhoso! Acredite, quando sua vidaestiver mais tranquila, alguns “grilos” resolvidos, vc se setirá muito melhor.Creia. beijos. Fique com Deus. Ah! Fiz psicoterapia por 1 ano!!!!

      • Oi, Dora!
        Você sabe de alguem que queira comprar o medicamento/ questrán lihgt?
        Tenho duas caixas com 50 envelopes. Meu pai usava. Ele faleceu há 15 dias.
        Aguardo

  23. Thiago, após você mesmo relacionar uma lista de fatores estressantes vc ainda duvida que problema seja de origem psicossomática? Procure um psicoterapeuta, de preferência de base analítica. Sugiro o Instituto de Psicologia Junguiana do RJ (Copacabana). Se for longe de sua casa talvez lá eles possam indicar um profissional que atenda próximo a sua casa. Aproveite essa, digamos, “crise” pessoal pra já resolver questões internas e evitar complicações maiores no futuro, inclusive que poderiam comprometer seu casamento. Infelizmente é tudo o que posso fazer por você,irmão. Desejo-lhe que entenda essa necessidade, atenda meu conselho e o do psiquiatra e inicie terapia. Estou às ordens para qq futuras dúvidas. Abraço

  24. Boa tarde Dra.

    Vou relatar um pouco da minha historia para a Sra. poder me ajudar.

    Em dezembro de 2010 comecei a sentir um desconforto na região do abdomen que se irradiava para as costas parecendo inicio de cólica de rim, fiz exames e acusou uma pedra de 1,20cm que nos demai exames não apareceu mais. O médico achou prudente explodir a pedra mesmo não aparecendo.
    O desconforto não sumiu, comecei a ter nauses perda de apetite e diarreia, fiz todos os exames de sangue, urina, ultrason, tomografia, colonoscopia e nada deu.
    Passei por 6 gastros 5 diaziam ser psicologico e sindrome do intestino irritavel.
    Um gastro receitou Dicetel, Lonium, Mentaliv, Digeplus e Propinal, comecei a ficar mais mal ainda após todos estes remédios (tomei por 13 dias), a barriga inchava e o desconforto era enorme.
    Após estar bem debilitado pos não comia mais nada, emagreci 13 Kg em 1 mês, procurei outro gastro que disse que estava com vermes ou bacterias no intestino, chegou a rir dos ouros médicos da quantidade de exames que deram e não pediram de fezes e disse estar com certeza que era bacterias ou vermes.
    Como estava muito ruim ele disse vamos tratar direto sem fazer o exame para não perder tempo. receitou Flagil por 7 dias e após Anita por 3 dias, e retornar nele depois de 15 dias. No segundo dia de tratamento estava 70% melhor.Neste periodo houve dias de minhas fezes estarem verdes e colocar um monte de coisinhas branca que grudavam na bacia do banheiro e em doi dias coloquei como parecia um fio de linha branca com a pontinha preta e cauda que se dividia.
    Voltei nele e meus sintomas eram apenas de barriga inchada em peíodos do dia com muitos gases tanto “pum” como arrotos, as fezes voltaram ao normal, nesta consulta ele disse para fazermos um reforço de vermes e passou Helmiben NF por 3 dias e repetir daqui a 15 dias e Siilif 100 por 15 dias 2 vezes ao dia, pois meu intestino estava irritado devido as bacterias, que isto vai passar que não tenho a SII.
    Porem Dra. minha barriga continua a estufar os gases há dias que são bastante e alguns dias tenho pequenas dores onde tomo Tropinal e melhora inclusive o estufamento. Voltei a comr de tudo menos leite e derivados para ver se era a sindrome do intestino irritavel, fui até a um churrasco e não deu nenhum sintoma como muita linguiça, carne, refrigerante, bolo de chocolate, maionese com milho e ervilha.
    A Sra. acha que pode ser realmente ainda parasitas que estão causando o desconforto e estufamento? O que são as coisas brancas que coloquei nas fezes? Se for parasitas quanto tempo pode durar este quadro?
    Se fosse SII teria tido uma crise com esta alimentação.
    Hoje os sintomas que tenho são: desconforto abdominal, gases (não são todos os dias), barriga dura.
    Estou tomando Siilif (receitado pelo gastro) e Lexapro (receitado pelo Psiquiatra
    O que a Sra acha e recomenda?

    Att

    Idinei

    • Lamento, Idinei! No posso lhe ajudar: no sou gastroenterologista; sou psicloga. E no posso fazer diagnstico com base apenas na sua descrio sintomatolgica resumida, seria uma irresponsabilidade de minha parte. Pela medicao prescrita parece que o psiquiatra acredita ser SII. Consulte um psicoterapeuta de sua sua cidade. Se o mdico recomendar, uma colonoscopia e uma endoscopia podem excluir os fatores da ordem orgnica/fisiolgica, restando apenas a hiptese de ser mesmo SII. Nesse caso, em sendo alterao de fundo emocional, recomendo terapia de base analtica. Abrao

  25. Boa tarde Dra.

    O medicamento Lexapro é o mais indicado para ajudar na depressão e para sindrome do intestino irritavel.
    Pode ser tomado a noite?

    Idinei

    • A prescrio de medicamentos compete aos mdicos, Idinei, e no aos psiclogos. ; no caso de SII psiquiatras so mais habilitados. Posso lhe dizer que tenho um nmero razovel de pacientes em psicoterapia com essa queixa (SII) que tomam esse remdio com excelentes resultados: os sintomas desaparecem e o humor depresssivo melhora. Converse com seu psiquiatra sobre o melhor horrio para tomar, no seu caso especfico.

  26. Boa noite..

    Sofro com esse problema ha uns dois anos, é bem complicado diversos medicamentos ja foram me passados e nada.. eu acredito que tem cura nunca desisti e tento entender quando e pq ocorreu isso.. gostaria de saber se pode me indicar alguem para a cidade de Niteroi – RJ, a cidade é do outro lado do rio bem perto..

    Obrigado

    • Oi, Leandro. Sim, tenho uma amiga que se formou em psicologia junguiana comigo, aqui em Braslia, e agora vive em Niteri. Ela excelente. Nome Alessandra Sader e telefone : 21 7669-0212. Volte a me escrever, se precisar. Boa sorte. Abrao

  27. Bom dia Dra,

    como faço para saber se minha psicologa é de base analitica?
    è deselegante perguntar a ela?
    Nas consultas ele simplesmente fica me perguntado se parei de acessar a internet atras do assunto se parei de pensar no assunto, que tenho que me desligar da minha barriga, como fazer isso ela não coloca, e como desligar de uma coisa que doi e encomoda.

    Idinei

  28. Não, Idinei, de forma alguma é deselegante perguntar sobre a linha de trabalho de um profissional de terapia. Ao contrário: é um direito seu saber qual é a orientação teórica dela. Pergunte simplesmente: “qual é sua abordagem psicológica?” Se ela não entender a pergunta (o que duvido que ocorra), prossiga: “você é terapeuta analista? Ou é cognitivo-comportamental?(pelo que vc está me descrevendo parece que ela seja ou comportamentalista (tb chamado de behaviorista – pronúnica “biveiviorista”)ou cognitivo-comportamental. Os cognitivistas trabalham com a cognições dos pacientes, isto é, o modo como as pessoas enxergam a vida e todas as coisas, os “conceitos” individuais.E com os comportamentos d as pessoas, sem ater-se aa causas de base profunda, como traumas ou complexos. Adianto-lhe que a abordagem cognitivo-comportamental e a comportamentalista NÃO SÃO AS MAIS INDICADAS para tratamento dessa síndrome nem de outras síndromes.Vou mais além: apresenta poucos resultados favoráveis. É necessário terapia de base analítica (Psicanálise ou Psicologia Analítica – tb chamada de Psicologia Junguiana, de Carl Jung – pronúncia certa é “iunguiana” e Carl “Iung”) porque trabalha conteúdos INCONSCIENTES, isto é foca no esvaziamento de complexos e elaboração adequada de traumas do passado – quase sempre muito remoto, da tenra infância. Qualquer dúvida volte a me escrever.
    Abraço

  29. Ola Doutora,

    tbm tenho SII, estou fazendo analise a 1 mes apenas (linha freudiana) queria saber o que é mais indicado para meu caso. Se é melhor eu tentar a terapia iunguiana ou se a freudiana resolve tbm o caso. Estou perdida pq nunca fiz analise. Obrigada.

  30. Oi, Carolina. Veja: Psicanálise e Psicoterapia Junguiana trabalham conteúdos inconscientes e traumas que afetaram o desenvolvimento da pessoa. Ambas são indicadas para SII e outras síndromes. A diferença está mais no profissional, na habilidade e empatia que o paciente tenha com ele (ela), no tempo de resposta (considero a junguiana de respostas mais rápidas) e afinidade com o método em si.Um mês é pouco para vc avaliar se a Psicanálise é adequada a seu caso. Outro aspecto a ser considerado é o custo: psicanálise costuma ser mais cara e exigir muitas sessões por semana (para facilitar desenvolvimento da neurose de transferência); também há o fato de que existem poucos profissionais junguianos: a formação é complexa e exige abertura de mente inclusive para a dimensão religiosa das pessoas, aspecto que a Psicanálise desconsidera. Obviamente que EU, de modo muito particular e por conhecer a fundo a terapia junguiana, prefiro esta àquela. Sugiro que vc dê mais um tempo no processo terapêutico que já iniciou , antes de trocar. Sempre ficarão bons resultados. Se precisar volte a escrever. Abraço, Carmelita

  31. Olá Doutora,

    Tenho acompanhado o blog, pois estou pesquisando tudo sobre a SII na internet, porque a duas semanas estou sofrendo de uma crise de diarréia e dor abdominal, que não consigo dormir nem sair de casa. O meu gastro já diagnosticou 90% de chance de ser SII, me medicou e me mandou fazer um exame de fezes funcional. Com a medicação melhorou um pouco, mais ainda assim continua o desconforto e medo de sai de casa. Na verdade, desde adolescente sempre tive intestino muito preso, mais quando saia de casa, sempre tinha que achar um banheiro rápido!Sempre sofri com isso, mais todos ja faziam até piada das minha idas ao banheiro repentina. Mais agora a situação ficou insustentavel, pois a diarréia tomou conta da minha vida! Passei por momentos difíceis com minha filha, e acredito que realmente seja emocional o que eu tenho. Gostaria que me ajudasse me indicando uma psicoterapeuta aqui em Vila Velha ES, nunca fiz análise e não conheço nenhum profissional da área que pudesse me ajudar com este terrível problema. Aguardo sua resposta. Obrigada
    Márcia (PS tenho 50 anos)

  32. Oi, Márcia. De Vila Velha não tenho referências, mas lhe passo os contatos de dois profissionais junguianos de Vitória. Faça contato com eles e peça indicação de alguém de Vila Velha.É possível que eles conheçam alguém aí.

    Fabricio Fonseca Moraes

    Psicólogo Clínico de orientação Junguiana
    CRP: 1257/16
    Tels. (27) 3235-8293 / 9926-6441/93166985
    fabriciomoraes@yahoo.com.br
    Tels. (27) 3235-8293 / 93166985
    Av. Nossa Senhora da Penha, 565, Ed. Royal Center, sl. 601. Praia do Canto, Vitória.
    Kelly Guimarães Tristão

    endereco:Av. Nossa Senhora da Penha, 1495, sala 1204 bt
    cidade:Vitória – ES
    telefone:(27) 3235-8293

    Boa sorte,
    abraço,
    Carmelita

  33. Boa tarde Dra,

    já fiz contato e estou agendando a primeira consulta com a Dra Ana.

    Dra a sua paciente relatada no inicio do forum, utilizou medicação também para a SII e ansiedade?
    Quanto tempo ela ficou com os sintomas da SII?
    E hoje ela não sente mais nada? Se alimenta de tudo?
    Agradeço se puder responder não é minha intensão invadir a privacidade dela. mas são relatos que ajudam muito a quem ainda está vivendo o problema

  34. sim, ela tomou Lexapro por algum tempo.Vinha sofrendo com os sintomas há quatro anos antes de iniciar terapia. Quando obteve alta da psicoterapia, um ano e três meses depois de iniciar o processo, não precisava mais dos medicamentos, não tomava nada e tinha voltado a COMER DE TUDO normalmente. Os sintomas desapareceram completamente.

  35. Dra,

    passei hoje por um psiquiatra e o mesmo faz psicoanalise.
    Porem achei muito, mas muitto caro mesmo por sessões de 50min R$ 200,00, pediu para fazer 2 vezes por semana.
    Está correto o valor?

    Att

    Idinei

  36. Bom dia..

    Dra, sofro de SII a alguns anos, desde metade do ano passado começei a tomar amitriptilina, melhorei muito, durante 8 meses vivi com uma pessoa normal, mas desde março deste ano, os sintomas voltaram (diarréia), mesmo tomando amitriptilina em dosagem maior, nao esta funcionando muito bem.
    Sou de Curitiba/PR a Dra. conhece algum profissional que poderia me ajudar ?

    Obrigado,

  37. Cada caso tem resposta diferente. Não posso fazer essa previsão sem conhecer o seu em detalhes, sem análise clínica. converse com seu psiquiatra ou com seu terapeuta, OK?

  38. Boa noite Dr!
    Muito bom o seu comentário sobre a paciente N! Descobri que tenho sii semana passada…está sendo difícil por não poder comer quase nada, mas já entrou na minha cabeça que tenho isso, e tenho que me cuidar! Comecei a fazer tratamento com SIILIF, mas está me dando mais dor abdominal do que antes…será que está fazendo efeito? Trabalho o dia inteiro e algumas noites faço faculdade…demora muito para a pessoa ficar curada? E daqui um tempo eu poderei comer tudo o que comia antes?
    Desde já agradeço e aguardo resposta!
    Abraço,Carol.

  39. Descobri que tenho SII a um mês e gostaría de saber se no vale do paraíba tem algum psicoterapeuta junguiano e um psquiatra bom. Moro em Aparecida-SP Obrigada, abraço

  40. Oi, Antonia. Em Aparecida do Norte não sei se há algum junguiano. em Santana, sim: Consultório de Psicologia – Walter e Aparecida Souza:Rua Verde Mar, 77 – Santana – São Paulo – SP
    Fone: (11) 2281-7856/7696-6851 / 9343-6416.
    Fica perto de você? Se for longe, faça contato para pedir indicação de alguém em Aparecida.
    Uma indicação em Osasco:(11) – 9964.8509 ou (11) – 3644.3302 e a psicóloga Cíntia: (11) 36993517 – R. Dep. Emilio Carlos, 1320
    Vila Yara – OSASCO – SP – CEP:06028
    cintiabalbopsicoterapia.blogspot.com

  41. Carol, as respostas para suas perguntas estão no texto acima, meu anjo. Mas sem fazer psicoterapia suas chances são menores, embora nada seja impossível. Desejo-lhe boa sorte,força e lucidez.

  42. Bom dia Dra.

    porque é tão difícil achar psicologa junguiano?
    poderia explicar um pouco o que faz a psicoterapia?
    Agradeço a atenção que nos dá.

    Att

    idinei

  43. Adorei achar esse blog pois essa palavra cura é um sonho para mim. Sofro de sii a 6 anos mas faço psicoterapia a 2 anos, tive uma melhora de 50 por cento, atualmente minha psico suspendeu os remedios com o psiquiatra(lexapro e olcadil). Meus sintomas são os gases e prisao ventre. Tb fiz todos os exames possiveis para descobrir, inclusive fiz um alemao pela Microecologia que analisa a flora intestinal por completo. Minha flora estava toda alterada. No segundo exame depois de comecar a terapia melhorou muito. Tb já ganhei peso. Tem horas que penso que isso é eterno mas pensar assim atrasa a cura tenho essa coinsciencia. Vou seguindo enfrente com a ajuda do meu marido. Agora q estou melhor penso em engravidar, o que a senhora acha da gravidez com a sii?

  44. Boa Tarde.Sofro de SII há muitos anos. Isto prejudica minha vida, inclusive para viajar
    relacionamento com meu companheiro tambem esta ficando ruim. Jáfiz toneladas de exames nada consta. Gostaria de saber se voce conhece um profissinal aqui em São Paulo para esta doença. Obrigada.

  45. Oi, Dra

    Tem este problema desde os 15 anos, hj tem 27. Já passei por vários psicologos, psiquiatras, remédios e nada. Não aguento mais, não tenho vida social, estou me afastando das amizades, relacionamentos amorosos, enfim de tudo mesmo. Preciso de ajuda urgente, porque além de tudo isso tenho sindrome do pânico e depressão. Moro na Bahia, conto com a ajuda de todos.

  46. Não enxergo impedimento algum para vc engravidar. Apenas discuta isso com o psiquiatra que lhe atende caso vc tome medicação) para ele prescrever remédio que não seja nocivo à gravidez e ao bebê. E continue na terapia. Boa sorte!

  47. Olá Dra!

    Tive um lapso de esperança e felicidade lendo esse texto, pois sofro muito com as consequencias psicologicas e sociais dessa sindrome. Você tem algum profissional para recomendar aqui em Salvador?

    • Experimente fazer contato com o Instituto Junguiano da Bahia, na Alameda Bons Ares 15, Brotas. Fone (71) 3356-1645. L talvez vc consiga indicao de um psiclogo clnico da linha junguiana. * * *Boa sorte, abrao, * *Carmelita *

  48. Depois que retirei a vesícula, comecei a ter esse problema, com muitas diarreias, e pior que as diarreias são as fortissimas dores no estomago, o dia todo. Minha vida social está ruim, estou quase saindo da faculdade por isso..o que eu faço?
    Estou pensando em ir ao psiquiatra..cansei de ir em gastros e nada..
    Obrigado!!

    • Você deve procurar um psicoterapeuta, Rafael, inclusive antes de ir ao psiquiatra. O psicólogo clínico vai avaliar seu caso e se concluir que vc precisa de remédio lhe indicará um profissional de psiquiatria.

      Boa sorte.

  49. Dra.
    Meu nome é Suely é realmente estou triste e desesperada tenho SIID sou muito nervosa e stressada tomo 2 lorax de 2 mg ao dia angipressa para pressaão etc. Emagreço muito fácil eu já tive 70 kilos e hoje tenho 50 e 1.56, Já fiz exames e nada deu, Gostaria de uma palavra amiga e se a Dra, conhece um especialista ou um bom psicologo que possa me ajudar.A depressão ta tomando conta de mim e do meu casamento.Tenho 49 amos.
    Agradeço sua atenção e muito feliz em conhece-la.

    Suely

  50. Boa tarde!

    Por favor me ajude, não sei mais oque fazer, fui ao médico e ele me disse que estou com essa SIID, faz quase um mes que estou assim com esse inferno ja emagreci 4kg e não consigo entender como isso surgiu em minha vida de uma hora para outra, pode me ajudar? isso é assim mesmo? vem do nada nunca tive problemas intestinais, pode aparecer de repente? obrigado

  51. Sim, Fábio, os sintomas surgem aparentemente “do nada”, como crises de pânico. Mas as causas são antigas. E sempre de fundo emocional, quase sempre INCONSCIENTES ou racionalmente desconhecidas. Por isso é necessário iniciar processo terapêutico, para trazer à consciência as causas subjacentes. Não tenha receio de começar terapia; vai pôr fim aos sintomas e lhe render muitos outros ganhos. Infelizmente não conheço remédio que elimine sintomas da SII se não houver associação com psicoterapia. Boa sorte.

  52. Então, mas estou com problemas fezes moles amareladas, isso anda me preocupando sabida, eu não tenho cólicas, tenho apenas barulhos e desconfortos.
    Consegue me dar uma ajuda? não consigo pensar em outra coisa, isso esta me atrapalhando muito no meu dia a dia, perdi até o apetite. Obrigado

  53. Stevanato, precisa ver se está Ok a produção de bile porque você disse que retirou a vesícula e quando as fezes estão amareladas ou esverdeadas pode ser um problema que é corrigido com a tomada de colestiramina (Questran Light). De qualquer modo, você disse que já passou por vários médicos, então, melhor procurar também e desde já a psicanálise ou psicologia analítica. abc.

  54. Bom dia Marcelo, eu não tirei a visicula….acho que me confundiu, mas oque o bile faz exatamente se tiver comprometido?

  55. ola gostaria de saber se tem algum profissional em florianopolis sc, pois ja venho sofrendo com isso a dois anos e nem trabalhar desde então não vou mais vivo a base de remedios e não adianta ja fui em gastro, proctos, clinicos, pisiquiatra, fiz varios exames ja passei por 22 medicos e nada fiz colonoscopia, endoscopia, sangue, fezes, urina..só gastei dinheiro até agora nada por favor me ajude …não aguento mais.

  56. Olá Carmelita, lendo esse depoimento vi uma luz no fim do túnel, tenho 26 anos e desde a adolescência sofro desta síndrome, mas só descobri que sofria dela em 2009 depois de ficar internada no hospital e passar por todos os exames de intestino existentes (colonoscopia, transito intestinal, tomografias, endoscopias, biópisias, doênça celíaca, etc), nesta ocasião tive uma crise por conta da minha formatura na faculdade, emagreci 4 quilos em uma semana, tive fissuras no reto de tanto evacuar, o médico chegou a suspeitar que eu tinha câncer, mas o resultado de todos exames deram normais, então veio o diagnóstico de SII, ele chegou a me receitar antidepressivos, mas me recusei a tomar, pois não quero resolver um problema me viciando em remédios. Esse problema me limita muito, não posso viajar, mal consigo andar de ônibus, o meu melhor amido é o papel higiênico (item obrigatório na minha bolsa), pois só o fato de pensar que não vai ter banheiro eu entro em pânico, já passei por muitos constrangimentos. Se eu tenho um compromisso importante como uma reunião pela manhã, ou uma vigem, tento não comer ou comer o mínimo possível nas 24 horas que antecedem o evento. Chego a ir 6 vezes ao banheiro só numa manhã, e antes de ir trabalhar todos os dias tenho que ir rigorosamente 3 vezes ao banheiro para não correr o risco de fazer nas calças, parece engraçado, mas é deprimente essa situação. Tomo todos os dias Imosec e mesmo assim tenho que ir três vezes ao banheiro antes de sair de casa. Estou desesperada, pois sou jovem e muito limitada por conta desse problema, em muitas ocasiões eu choro pelas situações que passo, muitas vezes já cheguei a fazer nas calças, não tenho controle nenhum de mim mesma, preciso de ajuda urgentemente. Pena que você é de Brasília, mas você poderia me indicar um bom profissional para me ajudar aqui no Rio Grande do Sul?
    Abraço.

  57. Suel tambem sofro de SII e a unica forma que achei para ficar bom foi tomando antidepressivo, mas nao me inportei em tomar, pois tomo dose muito baixa e estou curado praticamente, vou ao banheiro 1x/dia sem diarreia, na minha opnião voce deveria tomar sem medo, algum antidepressivo que seu médico receitou, eu utilizo cloridrato de amitriptilina 75mg, 1 comprimido toda noite, ele fez meu intenstino trabalhar normalmente e recuperei meu peso em 6 meses de uso, pois tinha perdido 11 kilos.

  58. Bom dia quero ajuda, sempre tive intestino bom, de um tempo pra cá fui diagnosticado com SII-D, mas isso me deixa dia e noite preocupado, estou em tratamento vou coisa de 1 ou 2 x por dia ao banheiro mas minhas feses ainda não são normais, quero que alguem me de uma sujestão, eu penso dia e noite nisso não consigo dormir direito e nem tenho mais aquela disposição que sempre tive, fico imaginando se posso estar com alguma outra doença séria, isso não sai da minha mente.

  59. Boa tarde carmelita.

    Poderia explicar um pouquinho como funciona uma terapia para sii?
    Pois acho que minha psicologa não está no caminho certo

    Obrigado

    Idinei

  60. Dr. Carmelita,

    Estava lendo a respeito do assunto pois há algum tempo (+- 10 meses ) venho sentindo alguns dos sintomas que me parecem ser SII. Mesmo ainda não indo ao médico (até então sem plano de saúde) e ser diagnosticado com o problema acredito sofrer da síndrome. Nesse tempo meu intestino mudou drasticamente. Há 2 meses eu passei por uma fase muito forte de diarréia, parecia que tudo que eu comia me fazia mal, tinha vezes que só saia muco e sempre tendo muitos gases. Cheguei a ir em um proctologista, fiz um exame de fezes mais específico e nada (ele disse que não tenho nada) porém me receitou Siilif percebi uma melhora pois hoje já não está tão grave assim.

    Hoje ainda vou muitas vezes ao banheiro (+- 3 vezes ao dia), não tenho mais tomado o Siilif e na maioria das vezes as fezes são muito moles algumas vezes amareladas. Ainda sofro com os gases (mas morro de medo de soltá-los pra n acontecer uma tragédia rsrs – sempre sai aguádo) e sinto um calor na região do ânus, minha cueca fica toda molhada (não sei se é suor ou muco) o que me faz passar por situações embaraçosas na vida pessoal e profissional e minha barriga as vezes faz uns barulhos estranhos (como se estivesse roncando mas na verdade é o piriri chegando rs).

    Mesmo soltando alguns risos no meu relato isso na verdade me incomoda e me entristece muito, pois minha vida social desapareceu depois que começei a sentir tais sintomas, me afastei por vergonha e sinceramente nem sei como ainda consigo trabalhar, fico sempre imaginando que alguém está falando de mim sobre isso, que estou fedendo ou algo do tipo mesmo tendo uma excelente higiene . Gostaria de saber de você doutora, isso está ligado a SII? Que exames pra saber se realmente sofro da síndrome? Agora começei em um novo trabalho e em breve poderei utrilizar o plano de saúde então preciso de sua orientação. A Dra Alessandra Sader e telefone 21 7669-0212 atende com plano de saúde? Se não, conhece alguém no rio de Janeiro que atenda com plano de saúde com essa especialidade junguiana?

    Se alguém quiser me adcionar e conversar sobre o assunto fique a vontade. MSN: bruninhomozer@hotmail.com

  61. por favor se vc puder me ajudar.eu estou sofrendo a quase um ano com a sii e a medica disse q eu tinha q conviver com isso pra sempre estou desesperado falto muito ao trbalho pois gasto mais de uma hora pra chegar npo mesmo sou de recife se vc conhece algum profissional aqui me indique nao estou aguentando mais obg

  62. Boa tarde Dra,

    será que a sua paciente a N, poderia nos dar um relato atualmente de como está?
    Se ela come de tudo, se tem algum sintoma da Sii, se toma ainda algum medicamento, ou seja o que faz para não voltar ao sintomas.

    Att

  63. olá meunome é claudio tenho SII, a 5 anos, ja fiz 2 colonoscopia e todos o exames cabiveis, estava vendo o relato do Idinei,por ultimo fui ao outro gastro, ele me receitou o anita, antes disso perguntou se eu tinha feito algum trtamento sobre verme falei q não, foi ai q ele passou o anita ,ainda não tive coragem de tomar por causa da diarreia.Obs. fiz os exames de verme e deram normais.Outra coisa tento fazer uma dieta sém glutém melhorou um pouco.Já vi q a lactose me solta.É difilcil vocé ter uma vida normal e depois muda tudo.um abraço.Meu imail é cmoraes29@yahoo.com.br.

  64. olá me chamo bianca e preciso de ajuda não aguento mais todos os dias a mesma coisa eu não consigo mais me concentrar em nada sei lá coloco coisas na mente e quando eu quero eu tiro e eu mesmo me corrijo quando estou pensando… e brigo comigo mesmo e assim os dias vão passando e quando vejo minha mãe vai trabalhar e o dia passou… bjks bianca me ajudem nem eu sei porque eu só assim quero sorrir me ajudem o que devo fazer?.

  65. estou muito nervosa pois fiz colonoscopia e ultrasson e o resultado deu normal,será que mesmo assim tenho SCI , pois tenho dores abdominais , gases,nos intestinos abdomen distendido e hoje comi feijão , sorvete de leite e café e as dores pioraram , tenho sensação de ter alguma doença grave. Tenho constipação , evacuo de 03 em 03 dias e quando como gordura tenho diarréia noturna , tenhopsoríase e artrite psoriática . Gostaria de saber de psiquiatra jungiano em Passos, Franca e Ribeirão preto. Obrigada Jaqu.

    • Infelizmente no conheo profissionais em Fortaleza. Faa uma busca no Google mesmo. Digite algo como “terapeutas junguianos em Fortaleza” e vai aparecer alguns contatos, eu imagino. Voc experimenta, se no gostar, interrompe o processo. melhor do que nem tentar encontrar algum. Confie na SINCORNICIDADE. O Universo ajuda. Boa sorte.

    • SINCRONICIDADE … conceito de ordem universal do Carl Jung.

      Em 1 de outubro de 2011 08:59, Carmelita Rodrigues escreveu:

      > Infelizmente no conheo profissionais em Fortaleza. Faa uma busca no > Google mesmo. Digite algo como “terapeutas junguianos em Fortaleza” e vai > aparecer alguns contatos, eu imagino. Voc experimenta, se no gostar, > interrompe o processo. melhor do que nem tentar encontrar algum. Confie > na SINCORNICIDADE. O Universo ajuda. > Boa sorte. > >

  66. Boa noite, Dra. Carmelita.
    Gostaria de saber se conheces algum profissional no Rio de Janeiro. Tenho 21 anos, sofro com a síndrome há 5 e sinceramente já não me lembro de como era a vida sem tê-la. Essa semana finalmente me convenci a cuidar do lado emocional além do físico, e gostaria de procurar alguém familiarizado com a nossa dificuldade.
    Aguardo uma resposta!
    Att,
    Raquel

  67. Olá,

    Passo por problemas por causa da Sii a quase dois anos. Já tentei muitas coisas, acumpultura, Yoga, vários médicos, você teria algum bom especialista pra me indicar em Belo Horizonte? Obrigado!

  68. Olá Drª Carmelita, tenho SII com alternância de constipação e diarreia. Fico mais ou menos 15 dias sem evacuar e quando evacuo é com diarréia. Minha vida mudou complatamente quando comecei a sentir esses sintomas. Além das dores que são muito fortes. Com isso atinge meu trabalho e até meu casamento, pois como muitos colegas dizem: “só vivo com dor”. O último médigo gastro que fui me indicou fazer psicoterapia, mas não acredito muito, por favor, me fale de que forma a psicoterapia pode curar a SII, ou melhorar meus sintomas, será que algum dia posso ser curada? Você teria algum psicoterapeuta para mim indicar em TERESINA- PI. Meu nome é Maralize Gomes Sousa, moro em Altos, mas falço tratamento em Teresina, que é a Capital mais próxima. Aguardo resposta.

  69. oi,moro no RJ capital,e sofro de um desconforto na região abdominal há anos,sem nunca ter um diagnóstico conclusivo.Fui numa gastro,e ela me deu diagnóstico da síndrome do intestino irritável.O desconforto é tamanho,que não consigo fazer mais nada,larguei trabalho,faculdade,terminei um namoro,pois isso me deixa tão transtornado,que fico de mau humor o dia inteiro,fora não ter disposição para nada.A tal gastro está me entupindo de remédios há meses,e não vejo melhora alguma,as dores pioraram,assim como gases,distensão abdominal,parece que tenho um bebê dentro de mim,de tanto peso que sinto na barriga;entre outros sintomas.O fator emocional interfere tanto assim nessa doença?Eu admito que sou estressado,ansioso demais,e tenho depressão também(faço tratamento).Se há cura,porque os médicos dizem que não tem?Vc saberia me indicar algum profissional aqui pelo Rio,que faça terapia para isso?Grato

  70. Meu problema também começou em torno de quinze anos, os especialista diagnosticaram como sendo colite inespecífica. Porém, há oito anos atrás descobri através da internet que tenho SCI, sofri muito, principalmente, nos dias das provas da faculdade. Adquiri o sindrome de pânico, que fazia me apavorar quando pensava que poderia passar no concuro para Juiz de direito, fazia questão em reprovar. Passei a tratar com o psiquiatra, que receitou o Lexapro para controlar o sindrome de pânico, após seis anos contínuo, parece-me que, acidentalmente, ficou resolvido o problema, sendo que suspendi o Lexapro essa semana.

  71. Oi. Bom dia carmelita,

    Confesso que quando achei e li o seu texto me deu esperança de resolver um problema que vem junto comigo a 4 anos. No começo de 2007 comecei a sentir dores de barriga e diarréia constantemente e ao me consultar com um gastro fiz alguns exames, entre eles uma endoscopia e uma colonoscopia que detectou uma gastrite leve e uma inflamação no colo intestinal, hoje conhecida como síndrome do intestino irritável. De lá pra cá venho tomando constantemente Omeprazol e Digedrat que mesmo sem muito efeito serve de um pouco de alívio. Ano passado fiz outra endoscopia e foi detectado uma hérnia de hiáto. Sofro com refluxo de vez enquando e sofro ainda mais (praticamente todos os dias) com dores de barriga, constipação, e principalmente muitas cólicas, muitas vezes tão forte que tenho a sensação que vou desmaiar. Não consigo sair de casa tranquilo, sempre que saio tenho que tá com o buscoam no bolso e viajar nem pensar. Já passei por vários médicos e todos descartam problemas mais graves, e também levam a crer que é mais fato psicológico, indicando sempre um tratamento na área. Ultimamente fiz 3 seções com um psicologo mais não obtive resultados, ele somente me escutava. Vi você resposdendo a uma pessoa de Fortaleza e falando sobre Psicoterapia Junguiana. Nunca tinha visto falar. Essa é a que devo realmente procurar? O que você me aconselha? Sou de Fortaleza também.

    Obrigado pela atenção.
    Aguardo sua resposta.
    Henrique David Alves

  72. Olá Carmelita. Gostaria de saber se existe algum profissional Junguiano em Santos.

    Talvez meu problema seja de ordem inconsciente. Eu era uma pessoa “normal” até ter umas crises incríveis no início desse ano, em Fevereiro, eu tinha perdido completamente o controle da minha mente. Parecia algo como uma depressão, só que eu perdi a noção das coisas, o estresse tomou conta de mim qdo eu lembrei alguns fatos do meu passado e sinceramente, eu achei que estava louca. As pessoas não me entendiam e pelo fato de eu ser muito sozinha e meus parentes muito ocupados eu tive que me virar e improvisar um jeito de conseguir “ir vivendo” apesar do meu desequilíbrio. Cheguei a pensar em suicídio muitas e muitas vezes, ñ sei como estou aqui teclando com vc, pois tudo que eu passei… creio que outra pessoa em em meu lugar já teria se jogado de uma ponte ou coisa assim.

    Tudo isso tinha começado após eu ter tido uma infecção no duodeno que me causava mtas dores, piririri abundante e todo tipo de coisa. Isso me afetava mto, pois eu que já era mto tímida, agora entrava em pânico sempre que eu tinha que sair de casa para fazer algo ou mesmo para ir à faculdade. O estresse e pânico se tornou uma manifestação própria eu já não tinha controle, ñ dependia nem mais da minha doença.Eu mantinha um controle estrito do meu intestino, de modo que eu nunca fazia fora de casa, porque sempre que eu sentia alguma coisa se mexer meu corpo automaticamente lançava uma descarga de adrenalina tão grande que o intestino era inibido. Tal era o stress que tomava conta de mim. Isso foi virando um ciclo vicioso a quantidade de stress era tão grande que eu achava que ia infartar. Talvez se eu não fosse tão jovem e pelo fato de que eu mal comia eu teria infartado. Isso é só parte do problema….

    De algum modo eu, com alguns conselhos dos meus pais e rezando muito a Deus(que foi quem me salvou) comecei a superar o gatilho de stress que eu tinha gerado e aprendi a conviver com os problemas intestinais, pois era isso ou morrer. Uma hora eu tenho certeza, que magra como eu estava, com 50 kg, 1,70 de altura e com a carga de stress que ñ me pemitia nem dormir eu ia morrer. Por isso a contragosto, aprendi a lidar com a doença, mais ou menos. No começo era muito difícil, pq eu não queria fazer fora de casa e eu sempre tive muuuuito nojo. Passei a ter nojo até de mim mesma. Mas passei por cima de tudo isso para sobreviver.

    Eu melhorei bastante, minha SII de repente ficou calma e teve um momento da minha vida em que tudo pareceu normal, eu viajei em Julho, fiquei um pouco feliz e captei a fagulha do que era a minha vida antes de toda aquela tortura. Porém meu intestino nunca voltou ao normal e frequentemente eu tenho recorrências do problema, embora mto menos intensas. Meu peso nunca é estável e qdo eu fico mal emagreço mto. Tb tenho mtos espisódios de enjoo e ñ consigo comer mto. Tento comer mto para ñ desmaiar, mas isso me faz mal e as vezes chega ao caso extremo de eu vomitar. Isso deplorou completamente minha vida. Ás vezes eu acho que sou feliz e tento ñ pensar nos meus problemas, mas devo admitir que eu vivo mentindo para mim mesma e que de fato sou muito triste. Parece que os traumas da minha mente que eu passei por cima ñ foram resolvidos na verdade, só esquecidos e parecem ser de ordem inconsciente, pois eu já ñ tenho o pleno controle dessas situações. Qdo algo me irrita ou entristece, logo, alguns dias depois eu tenho as piriris e meu estado só piora. Tenho a sensação de que ñ posso mais sentir tristza ou raiva pois isso intensifica o SII ou seja lá que doença for, pq ñ tem explicação.
    Eu passei por um período de paz, mas agora tive uma crise e isso me fez chorar e ficar deprimida.
    De algum modo eu comecei a enxergar minha vida assim: Parece que os momentos de felicidade que vivo são tão longínquos como um sonho que passou e eu acordei para o verdadeiro pesadelo que é viver.
    Meu problema certamente se relaciona a esses sentimentos bipolares e depressivos que sinto, mas receio que ñ tenho controle deles, por isso estou aqui, já que estive quase implorando ajuda pras pessoas, que infelizmente parecem ñ me ouvir. Todos acham que eu invento tudo e é coisa da minha cabça, mas lhe digo que meu modo de viver se tornou insuportável. A morte soa bela qdo penso que eu não vivo, mas me arrasto.
    Creio eu ser a culpada por dos esses sentimentos, mas já ñ ei sair da cova que eu cavei. Sou extremamente dependente das pessoas e peço para elas marcarem as consultas pra mim com psicólogo, gastro, etc., mas elas nunca fazem e eu já não sei como fazer as coisas… Choro enqto lhe digo isso, pois eu ñ quero mais fazer nada, ó ficar aqui parada, ñ quero mais ver ouvir, tocar, nada nem ninguém. Só queria sumir.
    Desculpe a vc e a tdos que estão aqui por escrever um texto tão longo, é um apelo de uma pessoa desesperada, que desaprendeu a viver, se perdeu no meio da escuridão.
    Eu ñ me identifiquei pela gravidade da situação,a sse puder, responda. Mto obrigada. O texto de sua paciente N. me motivou a colocar minha alma pra fora por um instante e pedir socorro.
    Deus lhe abençoe.

    • Deposite sua fé, esperança eo que lhe restar de forças, no senhor jesus cristo, só ele pode livrar-nos de todo mal, falo por esperiência própria, ando passando por momentos muito dificéis em minha vida, em que havia momentos em que pensava em desistir de tudo, mas com fé em jesus, vou conseguindo vencer as batalhas, ele é o unico que pode nos socorrer e nos libertar de todo mal, pra ele nada é impossivel.somente creia e veras a gloria de Deus……….

      • Concordo com vc amiga…Devemos nos aproximar de Deus e clamar pelo seu socorro, pq ELE nos escuta, nos ajuda e socorre. Ele pode nos levar a um tratamento correto ou nos dar a cura.

  73. Sofro há um ano e meio com a Síndrome, vc sabe me indicar algum especialista em São Paulo. Fiquei muito esperançosa com o seu relato. Obrigada, Fernanda

  74. Olá Drª, Há 3 meses descobrir essa doença, começou c/ uma tosse q não parava mais foi ficando angustiado, ansioso até chegar a depressão, foi quando apareceu a diarreia q não parava mais passei 2 meses tomando todos os tipos de rémedio e nada. Foi quando eu mesmo coloquei em minha cabeça vou procurar um GASTRO, quando foi diagnosticado a SII, graças a DEUS estou melhor, procurei uma psicologa, nutricionistas e tb uma NEURA, essa é uma doença que me parece que a pessoa tem q se controlar pois se ficar ansioso, ela acaba c/ a pessoa, cheguei a perder 5Kg estou só no começo mais vou vencer essa Batalha.

    AGRADEÇO PELA OPORTUNIDADE.

  75. Olá Drª, faz mais de 1 ano que sofro disso é comer e correr pro banheiro, estou desesperada, nao aguento mais isso nao posso nem sair de casa, nao posso ter uma vida normal. tenho 21 anos eu sou mto nervosa nao consigo controlar, acho que é uma das causas de minha dor de barriga incontrolavel, moro numa cidade pequena do MS, nao tem medicos especialistas, os que eu fui nao deram resultados, por favor me da uma luz, eu jah nao sei o que fazer sofro muito com isso… Obrigada Drª.

  76. Olá Dra Carmelita , sofro desse mal desde Maio , no começo fiquei até internada sem saber do que se tratava passe por diversos médicos , o ultimo gastro me diagnosticou com portadora da sindrome após ter descartado outras doenças , mas ele disse que não sabia mais o que fazer comigo que era para eu tomar IMOSEC fiquei muito mal e desisti do gastro , comecei com a acunpuntura e a homeopatia …mas tive q parar a acunpuntura e há 2 meses estou fazendo terapia ( mas ela tb não me da segurança , diz que eu tenho que aprender a conviver com isso , que não é nada de grave etc …)
    e há 10 dias passei com uma neurologista que me receitou o PAMELOR 10 mg , mas até agora nada , pelo contrario parece que tenho sentindo ainda mais os movimentos do intestino . A senhora conhece alguem que tenha tomado esse medicamento para este problema ?
    Por favor, me ajude estou desesperada …não aguento mais essa situação

  77. Olá Doutora.
    Bem não sou brasileira, mas portuguesa e estou há um a passar por esta doença mas com outra associada, dispepsia. Para além de ter asma e rinite também elas crónicas. Imagine a medicação… e o pior é que neste momento estou com sérios problemas com a medicação da asma que prejudica o meu estomago e intestinos. Um horror!
    Emagreci como é hábito mas ao contrário de vários casos aqui apresentados o meu maior problema nesta doença é a flatulência e a consistência das fezes (com muco), para além das dores abdominias. Enfim eu queria só saber, visto que vivo bem longe do brasil, se estes casos também podem ser tratados por um psiquatra. Se me perguntar se tenho uma vida agitada?, tenho; Sou nervosa? sou; Tenho tramas? quem não os tem!.
    Bem agradeço o seu contributo e se souber de algum especialista em portugal dava muito jeito (mas calculo que isso é quase impossivel). cumprimentos e tudo de bom

  78. Olá tenho 16 anos e pelas pesquisas que fiz em casa, eu posso estar com SII tenho mtu medo de sair de casa e acabar me dando dor de barriga tanto que perco de fazer varios cursos, trabalhar ou ir até na escola por causa disso e não sei oq faço pq tenho medo de contar aos meus pais e eles acharem ruim ja que é coisa da minha cabeça, não sei oq eu faço.

  79. Luan, você ainda é um adolescente. Precisa de apoio de adultos. Peça ajuda a seus pais e/ou responsáveis. Não deve se envergonhar de pedir ajuda; não é boa ideia tentar ser autossuficiente em situações como essa. Você precisa ir a especialistas;não pode (nem deve) tentar resolver isso sozinho. A internet não deve ser vista como solução para tudo. Você terá que fazer exames para descartar hipótese de causa orgânica. O tratamento psicoterápico precisa ter retaguarda médica. Sintomas físicos tanto podem ter causa emocional subjacente quanto ser alteração orgânica que exija intervenções diferentes das psicológicas. Por mais que vc seja autônomo e independente, deve pedir ajuda a algum adulto. OK?
    Boa sorte

    • Obrigado irei procurar ajuda mais quando contei aos meus pais eles acharam que era tonteira minha minha mae mandou eu parar de pensar nisso mais nem perguntou se eu queria ajuda.

      • Puxa, Luan. Lamento pela falta de percepo de seus pais. Nesse caso, h outro parente que possa lhe ouvir e lhe dar crdito? um tio, avs… caso no haja, marque vc mesmo uma consulta com um especialista e esse (ou essa) depois de conversar com voc entrar em contato com seus pais e os alertar para a seriedade do assunto. Em qual cidade vc mora?

      • Eu irei eu tenho a mãe de um amigo que falou que me ajuda se meus pais não ajudarem eu sou de Botucatu-SP.

      • timo, Luan. Aceite a ajuda dessa mulher e pea a ela para marcar uma consulta pra voc. Ela pode at representar sua me no primeiro momento e na primeira consulta (ou j pelo telefone explicar que o est ajudando). Posteriormente a (o) psiclogo far contato com seus pais. Dessa forma eles se daro conta de que voc falava srio e que a situao pede mesmo interveno profissional.

        No conheo psiclogos em Botucatu, mas na internet achei um contato. Vc pode pedir a me de seu amigo que telefone, converse e marque uma hora ou pea indicao de terapeuta junguiano que atenda adolescentes. Isso se ela prpria j no conhecer algum profissional.

        A vida tem desafios s vezes difceis e dificulta nos sentirmos sozinhos. Mas s iluso: nunca estamos verdadeiramente sozinhos. Um abrao, anjinho. Esteja com Deus.

        O contato: Guilherme S. B. Lordelo*Formao:* Psiclogo *Especialidade:* Psicologia Junguiana, Acupuntura *E-mail:* guilhermesbl@gmail.com *Endereo:* Pedro Pires de Campos, 540 Jardim Paraiso *Cidade:* Botucatu, SP *Telefone:* (14) 8826-6708

        Att. Carmelita

      • Obrigado pela ajuda vc foi um anjo que apareceu na minha vida para me dar uma direção do caminho que devo seguir para melhorar desses problemas. Irei procurar ajuda sim e se quiser eu te informarei de quando ir ao especialista. Obrigado novamente. Um abraço.

      • Oie Carmelita não sei se ainda lembra de mim ja faz tempo que a gente se falo é que vc pediu noticias entao eu queria agradecer por ter me dado um certo incentivo a procurar ajuda eu descobri que estou com Síndrome do Pânico aos 16anos ja :( mais ta tudo bem estou me tratando e logo melhoro. Valeu. E obrigado, abraços.

      • Oi, Luan. sim, me lembro de vc. Que bom que vc est sendo cuidado; fico feliz em saber disso… sim sim , voc vai melhorar, vai ficar totalmente bem. Abrao.

  80. Você terá que ir ao médico para obter a receita, Eduardo. A paciente do caso acima tomou Lexapro, mas cada caso deve ser avaliado individualmente pelos especialistas, OK? Boa sorte.

  81. Bom dia Carmelita,
    Tenho SII e Intolerancia a lactose fiquei muito feliz e interessada na cura, moro no interior de Minas Gerais(Zona da Mata). Você me indicaria Bons profissionais, especializados nesta área? obrigada.
    Carla

    • Lamento, Carla, mas no conheo ningum na sua regio. Faa uma pesquisa nos buscadores com palavras-chave PSICOTERAPIA JUNGUIANA + ZONA DA MATA ou acrescente o nome de sua cidade em MG. Boa sorte. Att.

  82. Olá Carmelita. Estou sofrendo muito com a SII, emagreci e durmo mal. Gostaria de indicação de profissionais em SP. Vc conhece?

      • Doutora me ajude!!!
        preciso de algum profissional aki em São Paulo,não tenho mais vida no carnaval,tive que passar fome na praia com medo de comer e passar mal isso não é vida para ninguém..
        Adriana.

  83. Oi tenho essa sindrome e se pudesse me indicar um profissional,já tenho isso há anos e estou no meu limite!!!
    Moro no Rio.
    Grande abç.

  84. Há três meses tenho este prolema. Estufamento, gases, dores no intestino, fiz colonoscopia e o proctologista, através do exame, associou SII, estou tomando duspatalin 200mg,(Cloridrato de mebeverina). Será que tem cura? Gostaria de saber a opinião de algum especialista.
    Muito Obrigado.

  85. Há três meses tenho os sintomas, estufamento, gases, dores no intestino. Fiz Colonoscopia e o proctologista associou SII. estou tomando Duspatalin 200mg (Cloridrato de mebeverina) Será que tem cura? Gostaria de saber a opinião de um especialista

  86. Doutora, preciso de uma indicação de um médico moro EM SÃO GONÇALO- RIO DE JANEIRO, somente hoje achei este site, sofro a quase 1 ano de SII, tomo Siilif e regulador intestina. Meu gastrico me disse extamente a frase acima ” você tem que conviver com isso” mais não estou mais aguentando, tenho muitos gases, prisão de ventre e sensação de estômago cheio. Por acaso você tem o tel da sua amiga ou outra indicação ou somente o INSTITUTO. PODE ME RESPONDER TB PELO E-MAIL PARTICULAR.

  87. Gostei muito, muito….de saber que existe cura para SII. Moro em vitória/ES. VocÊ conhece alguém da área aqui? Grata. Celma

  88. Bom dia Dr. Carmelita sofro com os SII há um bom tempo, no entanto só fui diagnosticada a pouco tempo, ou seja, sofri por muito tempo. A minha médica receitou dois medicamentos Siilif e Prolive Caps gostaria de saber se algum deles interferem no peso? Obrigada pela atenção.

  89. Olá Dra Carmelita, fui diagnosticada com SII em 2009 e desde então minha vida virou de cabeça pra baixo. Perdi o emprego e a vida social. Já passei por vários profissionais como grastros, nutricionistas, psicólogos, terapeutas e até proctologistas. Já administrei vários medicamentos, todos com indicação médica. Quando li os relatos acima, vejo que conheço os remédios citados porque já fiz uso e infelizmente meu organismo não reagiu a nenhum tipo de tratamento. Até acupuntura já fiz. Já não sei onde buscar ajuda e pesquisando a respeito achei esta página. Quando não se sabe qual caminho a seguir, qualquer ajuda é uma luz. Só não entrei em depressão ainda porque tenho uma grande força interior e não admito perder minha vida por causa de uma doença sem lutar antes e enquanto achar que há uma saída. Moro em Duque de Caxias, no estado do Rio de Janeiro. Vi que a Dra indicou o Instituto Junguiano em Copacabana e queria saber se pode indicar algum profissional talvez mais próximo a minha cidade.
    Muito obrigado, Andréa.

    • No, Andrea. No tenho outro contato a, mas ligue nesse que indiquei nos comentrios do post e pea indicao a eles de profissionais que atuem perto de voc. Att.

      • Pessoal, faço psicanálise (+/- um ano) e quero dizer que estou muito melhor e penso que logo não terei mais sintomas. Eu andava desesperado também, como vocês. E tomei diversos medicamentos, mas foi a psicanálise em conjunto com a psiquiatria que trouxe resultado. Freud (psicanálise) ou Jung (psicologia analítica) – o importante é que seja um profissional de verdade. Psicanalista não aconselha, não pede para você fazer isso ou aquilo, não dá bronca. Estou falando isso porque ouço muito esse tipo de comentário. Procurem um profissional sério e com o qual tenham afinidade. abc.

  90. Obrigada também pela ajuda.
    Já estou a procura de um profissional e como ocorreu com você, espero também ter encontrado uma saída.
    Grande abraço.

  91. Oi, também estou passando pelo mesmo problema. Gostaria de saber se é genético pois minha mãe e minha irmã também tem os mesmo sintomas.
    Abraços;
    Weliana

  92. Ola dra.
    Eu moro em leme sp muito interessante a sua atitude com certesa a sra é uma pessoa de DEUS.
    Eu tambem sofro com essa sindrome e o que mais me incomoda são as colicas.
    Eu estou afastado do serviço por causa da dor,so que comigo acotece uma coisa que eu não vejo nos depoimentos,com repouso a dor some.
    A sra poderia comentar sobre, isto muito me intriga.
    OBRIGADO DEUS LHE ABENÇOE RICAMENTE.

  93. Boa tarde Carmelita,

    Poderia me indicar um profissional em Niteroi RJ ou até no proprio Rio de Janeiro que trabalhe no centro, ha um tempo atras voce me indicou uma pessoa de Niteroi mas a mesma nao faz mas o atendimento..

    Sinto que tenho que diminuir a ansiedade que fiquei depois desse problema.
    Obrigado pela ajuda

  94. meu nome é Ricardo Frco.Rossin, email ricardorossin0410@yahoo.com.br com 18 anos de idde, tomei uma cruch (sabor lanja estraga), tomei um copo no dia seguinte os sintomas dado pelo medico e que era apendicite. passei pela cirurgia e nao era nada disse, 1958 nao existia medicos para parasitas, entao fui para Poçinhos do Rio Verde, era somente la que tinha medido apropiado, com as aguas orives do gosto mil vezes pior, foi ai que constatou que estava amebiase intestinal estolitica.ja fiz tratamento com medico do Institulo de Gastrologia de s.Paulo, irei um mundo de rx com contraste tutlo negativo, Sind.Colon irritavel. (diarreia)li em comentarios que tambem tinha o problema e sarou, contou a historia que era brasileira, e casou-se com um americano, mais morava aqui no brasil, ai resolveran ir morar nos Est/.Unidos. la ela comesou a ter poblemas SCI e e foi indicado um grande professor de gastro, constatado o poblena, foi lhe receitado (QUESTRAN) COLESTIRAMINA 1GM.POR DIA e no na 1dse resolveu o poblema, ai voltou a morar no brasil , aqui nao tinha esse laboratorio entao os amigos americanos compravam la e mandam para ela cita elas que agora existe no brasil SACbristol-myers squibb, entao ela passoa a compra aqui, aconte que aqui o envelope e de 4,0 gm. , solicitei a realidade quanto tomava e etc dei meu emal, telefone já faz muito tem e nao teve a caridade de ter contato comigo. as vezes eu tomo em seguida 3 ou 4 dias um envelope cada dia, no começo parece que vai dar tudo bem , mais ai o desantre aparece.seria possivel me dar um rumo. pois já tomo ante depressivo Clor.nortiptilina num total por dia 100 mg e bromazepam 6gm p/ dia, porque o meu emocional reflete em meu intestino, sendo que já nao tenho m ais visicula
    se poder me orientar /

  95. Sou de Curitiba e me encontro com o mesmo problema já a alguns meses…
    gostaria de saber se tu conheces alguem daqui pra me indicar.

    Obrigada pela ajuda

  96. Estou com dúvidas na questão do psiquiatra, como faço para ele dar a medicação correta, devo questionar o remédio na hora da receita?

    • A princpio, confie no profissional. Ele habilitado para prescrever medicaes de forma correta. Se a medicao no funcionar, vc poder trocar de remdio e de mdico.

  97. Ei Dra. Carmelita,

    Sofro da sindrome do intestino irritavel.Tenho apenas 23 anos e sou extremamene anciosa.E os problemas causados pela crise me deixam mais anciosa ainda, e vira uma bola de neve.Acredito que as crises estao relacionadas ao psicologico.Moro em Belo Horizonte Minas Gerais e gostaria de saber se voce poderia indicar alguuem que seguisse a mesma linha que voce com quem pudesse me tratar.Se nao conhecer, qual tipo de psicologo devo procurar?Psicanalista?Importa ser ferudiano ou juguiano?Onde posso procurar em Belo Horizonte?

    Obrigada.

  98. Dra Carmelita,
    Tenho a SII a uns 10 anos, ja fiz tratamento com Duspatalin e Procimax e Rivotril p dormir. Agora estou no auge da crise a nada destes medicamentos funciona. Acabei de fazer Colono e não deu nada. Devido ter emagrecido demais o medico pediu exame de sangue, o mesmo acusou Anemia, Infecção Urinaria e Inflamação no Intestino. Sou de São José dos Campos SP e gostaria de saber se tem algum especialista na sua área aqui que possa estar me ajudando. Não estou mais aguentando as dores e preciso voltar a trabalhar. Parei com o Procimax por não estar fazendo efeito (tomava a mais de 2 anos). Estava tomando Zetron e o mesmo começou a fazer meu intestino parar de funcionar e as dores aumentaram. Aguardo seu retorno caso conheça alguem por aqui.
    Abraço
    Andréa

    • Conheci sua cidade em 2010,Andréa. Adorei! Mas infelizmente não conheço profissionais daí. No entanto, na internet, localizei uma profissional. Veja o site dela e entre em contato. Se ela não puder lhe atender, peça indicação.

      http://miranda.psc.br/

      Boa sorte.
      Abraço

  99. Doutora Carmelita,

    Estou com uma dúvida… há alguns meses sinto dores nas costas devido a gases, e muita vontade de urinar.
    Este mês a fratulência deu uma trégua logo após a menstruãção e pude comer normalmente, ontem comi um chocolate com leite e estou na estaca zero de novo.
    Diarréia eu tenho somente no período menstrual e duas vezes ao dia.
    Como tive uma crise de stress e sou muito ansiosa vou ao gastro, mas gostaria de já começar o tratamento psicologógico e psiquiátrico, isto é possível, uma vez que as dores referente aos gases me incomodam muito…eles poderiam ir começando o tratamento, mesmo antes de eu ter todos os resultados do gastro?

    grata,

  100. Sim, sem problemas. Os tratamentos psicoterápicos, psiquiátricos e/ou gastroenterolólogicos NÃO são excludentes, mas sim complementares. Não deixe pra amanha o que pode ser feito hoje, como diz minha mãe.

  101. Oi doutora preciso de uma resposta….tbém tenho SII e comecei a tomar um antidepressivo ….gostaria de saber qual a pessoa exata para procurar para ficar curada desses sintomas chatos por gentileza…que pelo menos amenizasse pq é muito desconfortavel….Moro em Sao Paulo…nem estou conseguindo dormir….fico no aguardo de um retorno…obrigada Fernanda

  102. Obrigada Doutora só gostaria de uma informação POR FAVOR….essa parte de sindrome do cólon irritavel ela pode deixar a gente com desconforto de gases e arrotando ….pois a tempo atras em 2005 fiz uma cirurgia de refluxo e comecei a sentir essas dores chatas…e fui internada e me reviraram e não acharam nada….fizeram endoscopia…colonoscopia…ultrasson do abdome total por fim tive alta com SII….e por esses dias passei muito nervoso e então gostaria de saber qdo ataca essa SII ela da desconforto de gases e arrotos…e sinto tbem as vezes dores do lado direito….fico no aguardo de um retorno…Obrigada Fernanda

  103. Me tire uma dúvida doutora, colite e síndrome do colon irritável são a mesma doença, e se existe diferença de sintomas, que no meu caso é muito mais de flatulência, pode ser curada mediante psiquiatra e psicólogo?

  104. Obrigada Doutora só gostaria de uma informação POR FAVOR….essa parte de sindrome do cólon irritavel ela pode deixar a gente com desconforto de gases e arrotando ….pois a tempo atras em 2005 fiz uma cirurgia de refluxo e comecei a sentir essas dores chatas…e fui internada e me reviraram e não acharam nada….fizeram endoscopia…colonoscopia…ultrasson do abdome total por fim tive alta com SII….e por esses dias passei muito nervoso e então gostaria de saber qdo ataca essa SII ela da desconforto de gases e arrotos…e sinto tbem as vezes dores do lado direito….fico no aguardo de um retorno…Obrigada Fernanda

  105. Olá Dra, como fico feliz em ler o seu relato…faz 11 anos que tenho SII, tinha 16 quando os sintomas começaram, deixei de sair, me afastei das pessoas…hoje trabalho e consigo me relacionar, mas adquiri um monte de manias que tornam o meu dia a dia difícil…comecei terapia há mais de 1 ano, mas sem resultado, tomei vários remédios e nada. Já tinha perdido a esperança de ter uma vida normal. Não aguento a vergonha que essa doença me causa. Vou preocurar atendimento com algum dos profissionais que vc sugeriu. mto obrigada

  106. Boa noite! Venho elogiar as explicaçoes acima pois, mesmo sabendo o que leva a SII é quase impossível manter o controle. As vezes acho que meu intestino é que se comunica com meu cérebro. Sofro, digo sofro pois só quem tem sabe o que é conviver com esse “transtorno” e ainda saber que a culpa de tudo está no “descontrole emocional”. Há 02 anos tenho convivido com idas e vindas ao banheiro, deixei meu trabalho, e me estressei por conta da situação. Hoje vivo entre altos e baixos mas nunca passei um mês sem ter pelo menos uma crise que durou no mínimo 5 dias. Agora percebi que não é só o stress ou tristesa que desencadeia a crise, qdo estou alegre tbm acontece. Luto para não tomar calmantes e não fazer análise, mas pelo visto não tenho como fugir mais pois qdo não é o piriri em si são as dores sem explicação q parece q estou tendo um ataque cardíaco, sem um anti-gazes por perto seria difícil superar! No meu caso a única coisa q não mudou foi meu preso, continuo gordinha sem abusar do q como para não sofrer de dor!

  107. Mas Ana Claudia!!?!? Por que lutar para NÃO FAZER ANÁLISE?! Não temos que ser autossuficientes! Não é desprestígio algum a pessoa reconhecer que precisa e aceitar fazer um trabalho profundo de autoconhecimento e ampliação da consciência… na verdade esse parece ser o propósito maior das nossas vidas: a ampliação da consciência de modo a caminhar para a elevação espiritual. E isso, em certas dimensões, vai além da competência das religiões… é algo muito mais amplo, mais profundo do que as práticas religiosas que precisam atingir ao mesmo tempo um número grande de pessoas. É um trabalho singular, individual, desafiador. Vc vai gostar, lhe garanto. Boa sorte, abraço

  108. Por favor, me ajudas? Com quem posso fazer o tratamento aqui em Porto Velho? Capital de Rondônia, sabes de alguém? O médico que me acompanha nos problemas da Síndrome não soube me informar, aqui há poucos psiquiatras, porém alguns psicólogos, mesmo porque há o curso na Universidade Federal daqui.
    Bom, quero muito me livrar disso, sei que é por causa da minha ansiedade…
    Muito obrigada,
    Lena.

    • Tente o Roberto Lzaro; no o conheo – encontrei contato dele na net: (69) 8123-7752. Ele atende na Av. Jos Vieira Cala, 3762.

      A universidade da deve ter um centro de formao e os estagirios (supervisionados pelos mestres) devem atender pessoas da comunidade. Verifique, caso tenha dificuldade para pagar preo das consultar com profissional independente.

      Att.

      Carmelita

  109. Boa dia Dra Carmelita.
    Em uma busca quase desesperada pela internet vi esta site e me interessei muito. Meu namorado sofre desde 2007 com essa tal Sindrome do Intestino Irritável e que a maioria dos médicos fala exatamente o que vc mencionou: “Não tem cura mas vc aprende a conviver”. Como assim? Aprender a conviver com um mal estar e dores pra sempre? Eu não aceito uma coisa dessas. Ela já está tão exausto e desmotivado com tantas idas a médicos e tratamentos sem sucesso que eu resolvi correr atrás de uma solução. Entrs as causas psicogênicas desse transtorno que vc mencionou acima acho que ele se enquadra em quase todas… rs. Moramos em BH e se vc pudesse nos indicar alguma terapeuta aqui seria ótimo.
    Muito obrigada!

  110. Vanessa, ainda não conheço profissionais de BH ou qq parte de Minas. Mas no final deste mês irei a BH fazer uma formação em psicologia e pode ser que eu venha aconhecer algum analista junguiano lá. Se vc quiser esperar… mas antes disso, vc pode procurar na net. Digitte nos buscadores algo como “psicoterapeuta junguiano em BH”, ligue, converse….
    Boa sorte.
    Abraço

  111. Vou pesquisar, mas de qq forma volto a entrar em contato com vc após esta sua vinda a BH. Muito obrigada pela sua atenção.
    Abs

  112. RT, Sp
    Olá pessoal, tudo bem?

    Tenho 45 anos e sofro desse mal desde os 18.. Precisa falar mais nada né?? Perdi a conta de quantas vezes tive que sair correndo, ir ao banheiro às pressas e quando chegava lá.. que dor, que cólica. A qualidade de vida é péssima, é bem isso: convivo com a dor abdominal.. faz parte da minha vida.. já fiz tratamentos, mas acho que a base de tudo no meu caso é a alimentação.. isso não pode, isso também não pode.. e por ai vai… mas acreditem: a causa emocional(stress, coisas mal resolvidas pioram e muito). Façam terapia se puderem e se não puderem também façam, mas temos que lutar. Vamos ficar em contato beijos a todos

  113. DR. GOSTARIA DE SABER SE QUESTRAN RESOLVE MESMO? TIREI A VESICULA ENAO AGUNETO MAIS AS CRISES DIARIAS DE DIARREIA, GOSTARIA DE TOMAR MAS TENHO MEDO DE QUE TIRE O EFEITO DO MEU ANTICONCEPCIONAL, SERA QUE INTERFERE??

  114. Lamento, Deise. Sou psicóloga e não gastroenterologista nem ginecologista. Embora eu tenha alguns conhecimentos de psicofarmacologia, prescrever medicação não é competência de psicólogos nem esse procedimento nos é autorizado pelo nosso conselho de classe, o CFP. Também me oponho a orientações sobre medicamentos via internet, sem avaliação rigorosa do quadro clínico e das especificidades da pessoa, de modo particular a psicodinâmica. Infelizmente esse tipo de informação só pode ser obtida em consulta presencial com médicos, Deise. Boa sorte.

  115. Boa noite Dra, o meu caso é clássico, e tenho SII ha 18 anos. Tem algum profissional para me indicar? Moro em Ribeirão Preto – SP.

    • Infelizmente, não conheço profissionais em RB, Paulo. Tente localizar pela net mesmo, digitando nos buscadores “psicoterapia junguiana em Ribeirão Preto”. Deve localizar alguém… lamento não poder ajudar. Fique bem. Abraço.

  116. Bom dia, Doutora. Minha filha tem 16 anos e sofre de SII a mais ou menos 1 ano, eu moro em Curitiba. Ja levei ela em vários gastros e todos dizem que nenhum medico gosta de tratar o SII, dizem que não tem cura. Eu estou quase maluca com essa sindrome, pois agora ela não esta mais com diarréria esta com intestino preso, ela fica inchada e nem com laxante nada resolve. Já tentei com furtas (mamão, maça) mas não resolve. Esses dias uma visinha me falou sobre a cascara sagrada, faz efeito, mas ela consegue evacuar um pouco só e a dor permanece. Não sei mais como ajuda-la. Gostaria de uma orientação sua o melhor tratamento é psicoterapeuta ou psiquiatrico?
    Os medicos sempre indicam ela tomar anti-depressivos, eu fico com medo de dar esses remedios pois ela é tão nova.
    Agradeço desde já, mas me de uma luz para esse problema.

  117. Inicialmente leve-a a um bom (ou boa) psicoterapeuta (de base analítica, preferencialmente, como psicologia junguiana ou psicanálise). Pq os sintomas da SII são indicativos de que conteúdos inconscientes precisam ser analisados, reelaborados. O psicoterapeuta saberá avaliar se ela precisa tb de medicação ou se vale a pena tentar sem remédio. Se vc for antes ao psiquiatra ele certamente vai prescrever um ansiolítico ou antidepressivo. em alguns casos eles são necessários e até bem-vindos, mas não em todos. é sempre melhor evitar psicotrópicos – são substâncias que atuam no sistema nervoso e costuma ter efeitos colaterais. Apenas se a pessoa estiver em crise muito grave e não conseguir lidar com os sintomas até a psicoterapia surtir resultado os remédios devem ser usados como coadjuvantes. Caso vc não conheça nenhum psicoterapeuta na sua cidade, experimente procurar na net mesmo, digitando no Google “psicoterapia junguiana em Curitiba”.

    Os médicos dizem que SII não têm cura pq eles só conhecem o caminho dos remédios. Os mais preparados já sabem que essa patologia é de fundo emocional e que pode ser tratada com psicoterapia. Não se preocupe: sua filha pode ficar inteiramente boa. Aqui em Brasília eu tenho tratado várias pessoas com essa queixa e elas efetivamente ficam boas.

    Espero ter sido clara e ajudado.
    Abraço

      • Simone, vocÊ conseguiu encontar algum psicoterapeuta junguiano aqui em Curitiba? se sim, poderia deixar o contato dele? obrigada!

  118. Olá Doutora! Comecei a ter esse problema há 6 meses e minha vida mudou completamente. Estou fazendo tratamento com medicamentos (Siilif + Pamelor) por orientação do gastro, mas apesar da melhora, ainda não me sinto 100% bem.
    Sei que muito do que tenho vem de problemas emocionais. Em minha cidade só consegui acesso a um psicanalista e um gestaltista. Qual seria o mais indicado?
    Obrigada!

  119. Então, Carol… vai depender dos profissionais e da empatia que aconteça entre vocês. As duas abordagens são boas. Eu já tratei pessoas com síndrome do pânico usando técnicas da gestalt-terapia e funcionou muito bem. Por outro lado, a psicanálise vai atuar nos traumas profundos, nos complexos, nas causas profundas dos sintomas… há pessoas que não gostam da psicanálise e há outras que se encontram por meio desse médoto. eu não conheço seu funcionamento, sua personalidade, seu modo de ser, então não tenho condições de opinar qual das duas técnicas seria mais adequado ao seu caso. Só vc poderá decidir, ambas as abordagens são excelentes. Marque com qualquer um se não der certo, vc troca. OK?
    Boa sorte.

  120. ola doutora, sofro desse problema ha 2 anos quando comecei a tomar hormonios para meu crescimento, vc acha que isso tem alguma relaçao com a doença? e o tratamento psicologico é com remedio ou conversas? nao aguento mais isso, todo dia para ir pro colegio é um sofrimento, tenho diarreia sem mucos apenas quando acordo, se eu me levantar sem ser de manha eu apenas fico com a sensaçao de querer ir no banheiro, ja de manha é muito forte sendo impossivel de segurar

    • Gui, você deve procurar um médico. Não posso fazer diagnósticos médicos. Quanto ao tratamento psicológico, em alguns casos a psicoterapia é associada a medicamentos, prescritos por um psiquiatra, mas não em todos. Não, psicoterapia NÃO É SÓ CONVERSA. É muito mais que isso. Lamento não poder ajudar. A proposta deste blog é de esclarecer, apenas, mas só quando isso é possível. Repito: procure um bom gastroenterologista e um bom psicoterapeuta (ou psicoterapeuta).
      Att.

  121. Olá doutora.

    Os sintomas começaram a se agravar fazem 2 anos agora. Sou usuário de fim de semana de cocaína e álcool. Pode a droga ter influência nos sintomas de SII?
    Desde já agradecido.
    Jones.

  122. Olá doutora,

    Sofro com o SII deste do ano passado, só que os disturbios se agravaram no início deste ano. Então o médico me encaminhou para uma nutricionista e um psicologo. Para o psicólogo tem algum que você possa indicar, moro em Manaus.

  123. Sim, Jones, o consumo de álcool é totalmente incompatível; agrava os sintomas da SII e, em alguns casos, chega a desencadeá-los. Quanto ao uso de cocaína não conheço bem essa relação; mas suspeito que tb agrave, se considerarmos os aspectos psicodinâmicos envolvidos, mas isso só é possível explicar em consultório. Tenho um paciente iniciante da psicoterapia que relatou ter seus sintomas aumentados nas semanas em que ele consome muita maconha, como se fosse um protesto do si-mesmo, já que ele admite que ao fumar maconha está se esquivando da realidade ou priorizando o prazer … mas cada um tem suscetibilidades próprias ou, como dizem por aí: “cada um é cada um”. Procure um gastro e/ou um(a) psicoterapeuta para ser orientado.
    Abraço

  124. Boa tarde ! Sofro de Sii e tenho sofrido bastante. Gostaria de indicação na cidade de Juiz de Fora – MG – Muito obrigada

  125. Peço aos leitores que compreendam: a proposta deste blog NÃO É de aconselhamento ou orientação a distância. Eventualmente tento esclarecer algumas dúvidas, qdo isso é possível, seja por disponibilidade de tempo e/ou de conhecimento do tema, mas nem sempre posso fazê-lo. Estou impedida pela legislação brasileira e pela Ética de ir além disso. Sugiro que procurem especialistas em suas cidades, na modalidade presencial. Agradeço a compreensão.

  126. Psicoterapeuta junguiano, não, Carine. E nem mesmo psicoterapeuta de outras abordagens, infelizmente. Tente uma indicação em alguma faculdade de psicologia, caso haja, na sua cidade. em caso negativo, busque na cidade mais próxima – que tenha mais serviços de saúde. lamento não poder ajudar.

  127. Aqui tem psicólogos, mas tenho receio que aconteça o mesmo que aconteceu com sua paciente “não tem cura e você precisa aprender a conviver com isso” por isso relutei em procurar ajuda nesse sentido. Me deram o diagnóstico de sii em 2004, quando eu tinha apenas 20 anos, um gastro e da pior forma possível ” você sempre terá dores de barriga quando fizer algo que gere ansiedade”. Esse ano esta bem pior, não consigo ficar em nenhum lugar que não tenha banheiro, que não possa ir rápido para casa… e quando preciso fazer algo que “fuja” as opções acima tomo remédio antes pra prevenir, mas a ansiedade continua… De qualquer foma vou procurar um psicólogo, não aguento mais ter tanto medo! Obrigada e foi muito bom ler seu post. Se a terapia não demorasse tanto te procuraria nas férias, Brasília fica a 6:00h daqui.

  128. Oi, nossa eu me vi nesse texto! Estou ha mais de 8 meses assim e minha vida mudou de cabeça pra baixo…não tenho mais vida social, nao saio de casa pra nada, so vou ate o trabalho e volto, mas falto muito pois estou sempre passando mal ou com medo de passar mal. A gastro que fui me receitou Digedrat durante 3 meses, mas nao me indicou nenhum psiquiatra e me disse tambem que nao tem cura, que melhora mas isso vai comigo pra sempre. Estou desesperada pois como vou viver assim?
    Seu texto me deu uma nova esperança, vou procurar um psiquiatra logo, pois esses medicos de hoje em dia mal nos dão atençao, e qndo dão nao passam as informaçoes corretas.
    Obrigada.

  129. Isso mesmo, Natália. Vá atrás da sua recuperação porque tem cura sim. Você voltará a ter vida normal e poderá, inclusive, voltar a comer de tudo. E se o psiquiatra não lhe recomendar psicoterapia, desconfie da competência dele. Síndrome do Intestino Irritável é transtorno de fundo emocional e pode ser tratada com psicoterapia SIM. Boa sorte.

    • E quando tudo parece perdido a esperança se renova! Estou muito empolgado por ter lido isso neste momento de desespero por conta da SII. Já marquei consultas com duas psicoterapeutas: uma junguiana e outra freudiana. Você acha que qualquer uma dessas ‘especialidades’ pode me ajudar ou devo optar pela junguiana mesmo? beijos e obrigado por esse relato tão importante na minha vida.

      • Então, Sergio, isso vai depender mais dos profissionais do que do método em si; qualquer uma das duas abordagens poderá lhe ajudar, se vc estiver disposto a realmente entrar em análise. A psicanálise ortodoxa costuma levar mais tempo para dar respostas perceptíveis principalmente remissão de sintomas, mas atualmente existem muitos psicanalistas fazendo até psicoterapia breve! Será decisivo tb a empatia entre paciente e terapeuta. Siga a sua intuição, marque uma sessão e caso vc goste da pessoa, sinta que há empatia, siga com o processo. Se não gostar, não adianta ir além da terceira sessão; sem empatia não acontece vínculo terapêutico e o paciente não se beneficia.
        Qq dúvida, volte a escrever. Desejo-lhe boa sorte. Abraço.

      • Obigado pela resposta rápida. Então, se eu entendi, com a terapia freudiana a tendencia é que meus sintomas demorem mais a sumir do que com a junguiana, é isso?

      • Vou te explorar um pouco mais… rs No meu contato pelo telefone com as terapeutas, nenhuma das duas parece conhecer a SII. Voce acha que sem o conhecimento da sindrome elas podem me ajudar?
        Quanto ao tempo de resposta do tratamento eu imagino ser algo muito pessoal, mas será que existe uma média de quando começo a ver esses resultados nos meus sintomas?
        Outra coisa, as duas procederam da mesma maneira quanto ao preço: acharam melhor fazermos a primeira consulta para ver a empatia e então definir o valor. Sei que é constrangedor, mas gostaria que voce me informasse uma média pra eu me preparar… obrigado!

      • Para a primeira pergunta: isso mesmo, embora não necessariamente. Mesmo sem conhecimento da SII poderão lhe ajudar, considerando que qualquer sintoma é reivindicação do sim-mesmo de que algo exige elaboração. Vá em frente. O tempo de resposta da terapia eh realmente individual…. impossível prever, mas em poucos meses vc já poderá perceber mudanças em você, principalmente no modo de pensar e sentir… já como resultado da percepção do acerca do seu modo de “funcionar” (pensar, sentir, agir). Boa sorte.

  130. Boa Tarde Dra!!!
    Meu nome é Luciana sobre dessa doença há anos. Já fui diognosticada aos 23 anos (hoje tenho 40 anos) com reto colite, depois mais tarde com Doença de Chron e há mais ou menos 3 anos com sindrome do intestino irritado. Sofro muito, sou muito ansiosa, tenho várias crises de depressão por causa dessa doença, que atrapalha totalmente minha vida, principalmente a profissional, pois não consigo me estabelecer num emprego, por causas das minhas frequentes faltas. Hoje posso dizer que sou totalmente viciada em Rivotri. Já fui em vários grastros e o a doença não passa…só melhora, mas logo vem outra crise. Preciso de sua ajuda!!! Moro em Campinas -SP e não conheço nenhum profissional que possa me ajudar.
    Aguardo seu contato,
    Obrigada,
    Luciana F. Ramalhão

  131. Sou de portugal, sou nervoso, será que tenho Síndrome do Cólon Irritável, faço fezes todos os dias por vezes saem duras ou amolecidas.
    o que será?

    Aguardo seu contato,
    Obrigado

  132. Sou de manaus há varios anos sofro desse mal,vou no banheiro várias vezes ao dia e principalmente quando eu saíu de ksa me dá um nervoso e me ataca um piriri e quando evacuo quando ñ é mole e bem fininha e a sensação que sempre falta sair mais..fui no medico e ela passou vários exames até a colonoscopia estou com medo o que será???

  133. Boa Noite Dra.

    Estou passando por um momento muito dificil desde que foi diagnostica SII há 04 meses atrás. Tive uma cólica muito forte com diárreia e na emergência fui tratada como uma gastroenterite forte. Após quase um mês de diárreia constante comecei perigrinar de médico em médico, cheguei até a fazer a colonoscopia, mas o único diagnostico possivel foi o da SII. Hoje estou usando Duspatalin, Tropinal e às vezes o Rivotril, mas ainda sinto muito mal estar, cólicas, muitos gases com mau cheiro e às vezes evacuo duas vezes ao dia, mesmo fazendo a dieta alimentar orientada pela nutricionista. Estou perdendo muito peso, apesar de comer bastante o que é permitido, e isto esta me deixando muito triste. Choro muito, mas tenho dois filhos que precisam muito de mim (03 anos e 01 de nove meses). Estou desesperada. Gostaria de saber se estou com o tratamento certo e se perder peso é normal nesse caso. Se poderia me indicar um profissional mais especilaizado nestes casos em Goiânia.
    Grata.

    Janaína

    • Lamento, Janaína, mas não posso lhe ajudar: não conheço especialistas em Goiânia. Tente localizar pelo Google, digitando palavras de busca como “junguianos em Goiania”. Boa sorte.

  134. Olá Carmelita! Gostei bastante da matéria, pois também sofro com esse mal!
    Gostaria de saber se você conhece algum psicanalista que atue nesta área em ribeirão preto – sp!
    Grata

  135. Olá Carmelita, sou psicanalista e trabalho preferencialmente com adultos jovens e informo que tenho a sindrome a mais de 10 anos, muito mais. Pra dizer a verdade, eu acho que tenho desde a faixa dos 25 anos. Informo às pessoas que cada caso é cada caso, afinal eu sou especialista no assunto. Sem dúvida a síndrome tem um componente psicológico sim, mas existe a questão genética.Parabenizo a Carmelita por ter ajudado na cura da paciente, mas nem todos os casos tem cura. É como eu disse: cada caso é cada caso. Antes de trabalhar com psicologia eu fiz minha própria análise por 15 anos. Eu fui uma daquelas pacientes que ” tiveram alta”. Na verdade aprendi a conviver com a ‘tal sindrome’, mas por ter tido um pólipo fiz uma cirurgia intestinal que trouxe a novela de volta.O pólipo era benigno mas por ter ficado com o intestino menor, passei da prisão de ventre às diarréias e isto fez com que eu fizesse uma hemorróida que por anos fui driblando porque o proprio médico me dizia que a recuperação era dolorosa. Com o novo método do grampeamento, enfim farei a cirurgia. Não dá pra segurar a tendência ao cólon irritável e a hemorróida. Então estou escrevendo só para dizer que existem casos e casos. Nesta medida, concluo que a cura da SII vai depender de “N” fatores; mesmo assim indico a psicoterapia não só para a sindrome, mas para que cada pessoa possa se conhecer melhor e não desistir de suas vidas pq tem um problema intestinal. Tudo é contornável até um atleta sem pernas hoje em dia pode correr uma olimpiada. Tratem-se.
    No meu consultório já ajudei diversas pessoas pq o que queremos dar ao paciente é o encontro de sua propria felicidade.
    Mais uma vez Carmelita, parabéns.

  136. Olá Dra, boa noite.
    Meu nome é Caroline e estou com SII a 6 meses, diagnosticado a pouco mais de um mês. Passei por muitas mudanças nos meus hábitos recentemente. Casei, mudei de cidade (morava no Rio e hoje moro no interior de Minas Gerais) e por causa da mudança passei um tempo sem trabalhar e estudar. Isso gerou um certo estresse. Desde o início, até hoje, Sinto mais desconforto com as dores causadas pelo excesso de gases.
    Assim que fui diagnosticada com SII comecei o tratamento receitado. Parai de tomar leite e estou evitando os derivados. Comecei a fazer exercícios (musculação), Voltei a fazer Faculdade e estou tomando o medicamento prescrito pelo Dr(Siilif e Passalix). No início, o tratamento funcionou bem, e os desconfortos diminuíram bastante, mas agora estão retornando da mesma forma que eram antes. Estou desanimada com isso e não sei mais o que fazer. Gostarei de saber o se a senhora poderia me ajudar.
    Li na postagem acima que a senhora é de Brasília. Moro em Uberlândia. A senhora conhece algum doutor que possa me ajudar?
    Grata desde já pela ajuda.

    • Lamento, Caroline, mas não conheço profissionais de Psicoterapia Analítica em Uberlândia, nem de outra cidade de MG, Tente encontrar em uma busca na net, pegue telefones de psicólogos da sua cidade, ligue e peça indicações. Boa sorte. Abraço

  137. Sofro com esse tormento desde 2001, gostaria de saber se pode indicar alguém em SC. Achei que já tivesse tentado de tudo, mas não tentei psicoterapia com você ainda. Será que vale a pena dar um pulo em Brasília?

    • Gente, terapia não é uma consulta, são mesesdeconsulta e de preferência pelo menos 2vzs por semana, por isto deveser nacidade em q vc mora. Recentemente fiz a cirurgiaq pretendia fazer e estou ótima.

      • Fazer uma consulta pra ter uma idéia. Já procurei vários psicólogos sem benefício, pelo acima exposto, acho q valeria a viagem.

      • Oi, Ricardo. Veja, eu entendo seu desejo de resolver o problema e teria prazer em lhe atender. Meu consultório e minha técnica estão a sua disposição, claro, para realizarmos uma consulta esclarecedora. Mas essa medida seria mais indicada para convencimento de alguém que não confie em psicoterapia nem esteja motivado a iniciar terapia. Não me parece ser este seu caso; embora haja uma diferença entre ir à terapia e fazer terapia; em efetivamente “entrar” em terapia, isto é, em dispor-se a remexer em conteúdos internos muito íntimos, muito pessoais, alguns dolorosos e alguns desconhecidos (inconsciente), mas que podem tornar-se conscientes a partir do processo terapêutico – para a necessária elaboração. Será mesmo necessário esse esforço? Penso que em Santa Catarina deve haver bons profissionais de psicoterapia, inclusive junguiana. Os psicólogos com quem você esteve eram junguianos? O paciente pode perguntar qual é a abordagem que serve de suporte teórico ao psicólogo que o atende. A distância, como posso lhe ajudar? tenho um colega psicólogo (não junguiano, e sim, ericksoniano) e posso ver com ele se ele conhece e recomenda alguém de Florianópólis, onde ele nasceu. Está bem assim? Aguarde alguns dias, por favor lhe dou retorno.
        Abraço.

      • Olá, Ricardo. Entãoo, estou com um contato de psicoterapeutas em SC, mas não de Psicologia Analítica e sim da abordagem sistêmica (ou familiar). Vc pode ler/conhecer sobre essa metodologia terapêutica ou buscar com eles uma indicação de profissionais da mesma abordagem que a minha, a junguiana. A referência é a “Clínica e escola de Psicologia Sistemica” – http://www.sistemica.com.br – Fone: 3223-3598. Procure pela Telma ou a Claudia; diga que psicólogos de Brasília lhe deram o contato e peça indicação de profissionais da abordagem junguiana – pronuncia-se ” iunguiana”, de Carl Jung ( Carl “Iung”). Espero ter ajudado. Abraço,

        Carmelita

        Em 13 de outubro de 2012 21:29, Carmelita Rodrigues escreveu:

        Oi, Ricardo. Veja, eu entendo seu desejo de resolver o problema e teria > prazer em lhe atender. Meu consultório e minha técnica estão a sua > disposição, claro, para realizarmos uma consulta esclarecedora. Mas essa medida seria mais indicada para convencimento de alguém que não confie em psicoterapia nem esteja motivado a iniciar terapia. Não me parece ser este seu caso; embora haja uma diferença entre ir à terapia e fazer terapia, isto é, efetivamente “entrar” em terapia, dispor-se a remexer em conteúdos internos muito íntimos, muito pessoais, alguns dolorosos e alguns desconhecidos da razão (inconsciente), mas que podem tornar-se conscientes a partir do processo terapêutico – para a necessária elaboração. Será mesmo necessário esse esforço de vir a Brasília? Penso que em Santa Catarina há bons profissionais de psicoterapia, inclusive junguiana. Os psicólogos com quem você esteve eram junguianos? O paciente pode perguntar qual é a abordagem que serve de suporte teórico ao psicólogo que o atende. A distância, como posso lhe ajudar? tenho um colega psicólogo (não junguiano, e sim, ericksoniano) e posso ver com ele se ele conhece e recomenda alguém de SC, onde ele nasceu. Está bem assim? Aguarde alguns dias, por favor; lhe dou retorno. Abraço.

  138. Boa noite, doutora!
    Minha mãe está passando por este problema, será que vc tem alguém para indicar aqui em Ribeirão Preto? Estamos desesperados.
    Obrigada.

  139. Dra. eu também tenho SII, constipação que me causaram uma pequena hérnia no abdomem e hemorroides, quase não como nada, pois tenho a 4 anos tambem restrição a lactose. Moro em Porto Alegre. A Sra sabe de um profissional psicoterapeuta ou junguiano aqui em Porto Alegre ou perto daqui?Agradece muito se a sra. puder me ajudar indicando um profissional aqui.Já emagreci mais de 8 quilos.Estou apavorada. Parabéns pelo seu conhecimento e interesse pelas pessoas. Lenita.

    • Olá Lenita, eu sofri com essa sii por anos desde 95 e agora no fim do ano de 2012 procurei por um psiquiatra que me animou muito. Disse que essa síndrome está com os dias contados, pois já tem medicação para combatê-la. Tb emagreci bastante, tinha medo de comer certas coisas e o apetite zerado. O psiquiatra me receitou um remédio que se chama razapina odt…estou tomando faz uma semana e meu apetite melhorou muito, estou comendo bem melhor. Depois devo começar a tomar o lexapro junto com o razapina(ele não é faixa preta, e os efeitos colaterais dele é aumentar o apetite e peso).Associado a isso comecei a fazer terapia, pois é necessário descobrir o que está nos levando a ter essas crises. Tenha fé em Deus, e peça pra ele colocar os médicos certos no caminho.
      Abs, Elisangela.

      • Elisangela, como vc está hoje depois do tratamento com a Razapina?
        obrigado.

  140. Olá, tenho sofrido com esse problema a 10 meses e hj mal posso fazer uma caminhada leve de tão violentas dores e piriris. Apesar de saber da necessidade de procurar uma ajuda psiquiatrica, não sei como isso poderia me ajudar, você poderia me orientar quanto a função da psicoterapia, pois sei qual a raiz do meu problema (ou pelo menos acredito saber) e não consigo perceber como resolvê-lo. Desde já agradeço.

  141. Boa tarde Carmelita,

    muito bom saber que essa síndrome tem cura.
    sofro de SII faz uns 7 meses, mas estou disposto a melhorar.

    vi nas suas respostas aos comentários a indicação de um psicoterapeuta junguiano, mas também vi comentários sobre psicologo junguiano.

    é a mesma coisa ou são áreas diferentes?

    qual eu deveria procurar primeiro?

    moro no Rio. no primeiro comentário você indicou o Instituto Junguiano do Rio de Janeiro, inda é válido o contato ou teria algum outro em específico?

    sou grato desde já,

    Daniel

    • Psicoterapeuta junguiano e psicólogo junguiano são a mesma coisa, Daniel. Acredito que o Instituto Junguiano do Rio ainda esteja funcionando, mas é mais fácil pra vc checar, que mora aí, do que para mim… telefone lá e se informe sem nenhum receio. Boa sorte.

  142. Ola Dra , Meu marido esta com a sintomas da sindrome do intestino irritado a um ano e estamos a procura de ajuda pois ele esta emagrecendo sem falar no modo como esta se alimentando . Pois acredito também que tem cura o medico nos falou que ele vai ter que se acostumar Dra Eu nao acredito acho que ele pode sim ser curado .Por favor Vc pode me indicar alguem em São Paulo ou em taubaté .
    Desde ja agradeço

    • Olá Juliana, eu sofri com essa sii por anos desde 95 e agora no fim do ano de 2012 procurei por um psiquiatra que me animou muito. Disse que essa síndrome está com os dias contados, pois já tem medicação para combatê-la. Tb emagreci bastante, tinha medo de comer certas coisas e o apetite zerado. O psiquiatra me receitou um remédio que se chama razapina…estou tomando faz uma semana e meu apetite melhorou muito, estou comendo bem melhor. Depois devo começar a tomar o lexapro junto com o razapina(ele não é faixa preta, e os efeitos colaterais dele é aumentar o apetite e peso).Associado a isso comecei a fazer terapia, pois é necessário descobrir o que está nos levando a ter essas crises. Tenha fé em Deus, e peça pra ele colocar os médicos certos no caminho.
      Abs, Elisangela.

  143. estou passando por esse mesmo problema…não sei mais o que fazer…. fico privado de muita coisa… já fiz todo tipo de exame possivel e não acusa nada…meu sonh é ficar curado de uma vez por todas.

  144. ola dra. meu nome é silvana descobri que tenho sii em outubro de 2011 fez um ano agora, procurei uma psicologa achando que eu estava com depressão, ela falou que eu estava com um nivel muito alto de estres, ela mandou eu procurar um psiquiatra, neurologista ou um homeopata, eu procurei um homeopata, optei porque era o que eu podia pagar não tava tão cara a consulta, na consulta ela me pediu para que eu falace o porque que eu tinha procurado ela, contei q tinha procurado um psicologo q eu acha q estava com depressão, eu não gostava de sair mais porque tinha medo, vergonha porque eu estava indo muito no banheiro, tudo que eu comia me dava vontade de ir no banheiro, se eu toma-se café com leite meu deus nem bem tomava tinha que correr pro banheiro, queijo derretido a mesma coisa era imediata a vontade de ir no banheiro, foi onde conversando contando para minha medica ela me falou que eu tinha sii, ela me explicou a doença, e me falou que eu ia ter que parar de tomar leite e de comer derivados do leite, hoje estou fazendo ainda tratamento com remedios de homeupatia para mim esta sendo muito bom, as vezes se eu me estresso muito isso me prejudica eu regrido no tratamento, eu não consigo comer nada q tenha leite ainda, se eu como meda diareia colica muitos gases roncadeira na bariga, mas acredito q um dia eu consiga me curar,poder controlar a vontade de ir pro banheiro, oque antes eu conseguia, agora não, se der vontade tem q ir correndo, ate brinco com o meu marido que eu não mando mais no meu .., mas acredito sim na cura, não deixo de sair mais por causa disso, saio sim cuido apenas oq vou comer, mas se precisar vo pro banheiro sim , espero que todos assim como eu um dia podemos voltar ate uma vida normal …

  145. Boa tarde,
    tenho SII e isso tem mais de 1 ano e meio. Passei por dificuldades enormes e problemas intestinais horríveis, em meados do começo de 2010 adquiri amebiase e só fui saber e me medicar em outubro de 2011, quando ja sentia sintomas da SII. A ameba saiu, com exames comprovados, porém os sintomas da SII continuam, como a diarreia variada com prisão de ventre, que me dá dores abdominais e gases. Evito muitos alimentos, como derivados de leite e carne de porco que me dão os sintomas.Sofro com isso tem tempo já, e não vejo a hora de curar essa SII e de voltar a ter uma vida normal como eu tinha até 2009. Ja fui em diferentes médicos e não consegui 1 remédio que me aliviasse esses sintomas. Peço ajuda e moro em Belo Horizonte, por favor, agradecido!!!

    • Ei Ricardo, também tenho Sii e sei de tudo que você está passando. O que me ajudou muito foi o controle com um psiquiatra, tomo anti depressivo e acompanhamento psicologico. Deus foi meu melhor remédio também, a fé me ensinou a conviver melhor com os sintomas, hoje sinto os sintomas de forma bem mais leve. O que vc pode fazer é observar o que é bom ou ruim em relação a alimentação, faça uma atividade física e não desista nunca, os médicos só sabem dizer que os remédios são paleativos, que é preciso aprender com a dor, não aceite a dor, lute e vc aprenderá a conviver e aliviar os sintomas. Grande abraço

      • Olá Elisangela,
        O Tratamento da Sii se dará em conjunto com o médico clínico, o psiquiatra e com uma terapia com psicólogo, que é o que vc tem buscado. Muitas vezes é necessário paciência para adequar-se à dosagem e medicaçáo apropriadas. A terapia se fará de grande ajuda para que vc encontre o equilíbrio de seu corpo. Boa sorte. Cláudia Cardoso – psicóloga RJ

  146. Tem uns comprimidos que a gente toma antes de comer alimentos que tem lactose ,é um remédio manipulado só com receita, não é tratamento,é so para não dar piri, é lactase, pedi para minha medica pois não aguentava mais de vontade de comer bolo de brigadeiro, sonho, sorvete…..mas como minha medica falou é só um sos ,só de vez em quando, eu parecia criança,de feliz de estar comendo aquele doce, como ja falei anteriormente faço tratamento com homeopatia que pra mim é muito bom, ja faz um ano que tenho sii,não estou curada mas acredito sim na cura, e´um processo de desintoxicação do corpo …..

  147. Olá Carmelita,

    Meu nome é Cláudia Cardoso, faço parte do Instituto Junguiano do Rio de Janeiro, sou Psicóloga e Arteterapeuta também.
    Visitando seu blog vi que algumas pessoas te pedem um contato no RJ de psicólogo com orientaçáo junguiana.
    Coloco-me à disposiçáo das pessoas para quaisquer esclarecimentos que necessitarem.
    Meus contatos sáo:
    e-mail: claudiacardososeme@globo.com
    Blog: http://www.claudiacardoso-psi.blogspot.com.br
    Celular: (21) 9995-5658

    Um abraço,
    Cláudia Cardoso Semeghini Feitosa

      • Ótimo blog, parabéns pela iniciativa. Gostaria muito de contatos profissionais em BH. obrigada.

      • Olá Dra. ! Boa tarde!
        Tenho Sii já faz alguns anos, no ano passado minha crise piorou, meu gastro me orientou a procurar um psiquiatra. Esse psiquiatra me receitou razapina odt 30mg e depois de 10 dias tentei usar o lexapro. A razapina foi muito boa, pois me abriu o apetite, mas o lexapro me deu efeitos colaterais que pioram os sintomas da sii. Então psquiatra suspendeu o lexapro e me receitou agora o risperidona. A Sra. conhece esse medicamento? Ele é eficaz para o tratamento da sii? Aliado ao medicamento tb procurei uma psicologa cognitiva.
        Desde já agradeço.
        Elisangela

  148. TUDO QUE TA ESCRITO AI EU SINTO , DR ME AJUDE GANHEI O PROCESSO NUMERO 00004751620128190006 BARRA DO PIRAI RIO DE JANEIRO QUERIA SABER COMO FAÇO PARA PEGAR O MEU REMEDIO TRABALHEI 17 ANOS PARA O GOVERNO, E AI NAO ME DAOTEL DA PREFEITURA212424476151 O MEU 2124-99686012 QUERIA SABER O QUE FAZER SE JA GANHEI NO FORUM

  149. Boa tarde Carmelita, tenho um relato a fazer e espero que vc possa me ajudar: Em fevereiro meus filhos pegaram uma gostroenterite viral, e eu tb fiquei com diarréia, mas não tive febre nem outro sintoma, mas meu filho mais novo desenvolvel uma infecção intestinal, colocando sangue nas fezes, o que me causiu grande estresse, depois disso a minha diarréia piorou, tive crises de ansiedade, fui parar no hospital achando que estava tendo um ataque cardíaco,no PS do hospital me disseram que eu estava desidratada e fraca, pois não consuguia comer nada, e como eu fiz cirurgia bariátrica e tenho já dificuldades para reter as vitaminas e proteínas, fiquei com medo da diarreia me deixar doente, minha irmã que é psicóloga me falou que estava com transtorno de ansiedade, que era para eu procurar uma psicóloga, fui na psicóloga que me acompanhou depois da cirurgia, ele pediu para que eu pedisse a um médico para me passar o rivotril, minha ginecologista passou rivotril de 0,5mg e pediu para eu procurar um psiquiatra que pediu para eu tomar por 7 dias e parar, enquanto eu tomei o rivotril, diminuiu a quantidade de evacuações líquidas, mas quando eu parei, voltou. Procurei uma gastro que mecpassou uns exames e remédios de verme, pois emagreci cerca de 5 kg em 1 mês, e pediu que eu continuasse a tomar rivotril, parou os episódios de diarreia, continuei com uma outra psicóloga e com o psiquiatra que me passou fluoxetina, quando cheguei adosagem de 20 gotas depois de 20 dias, diminui, por prescrição do psiquiatra o rivotril, no setimo dia tive diarreia novamente, no dia seguinte tive uma crise de medo, medo dectudo novamente, de sair de casa, de ficar sozinha, de ficar doente, de comer, e no dia seguinte crise de tristeza, de choro, de medo, não consuguia parar de chorar, voltei o tomsr a dose do rivotril anterior, de 0,5 mg. As crises melhoraram, diarreia diminuiu novamente e dias que nem tenho, mas vivo com medo de ter. Ainda não voltei a minha psicóloga e nem no psiquiatra para fazer esses relatos. Mas o que eu gostaria de saber de vc é que a psicoterapia que faço é gestalt, já li muito que tara transtorno de ansiedade, do pânico ou sindrome do colon irritável é adequado a terapia cognitivo comportamental, mas acho que aqui na minha cidade não tem ainda, a gestalt terapia funciona tb. Estou ptrcisando de ajuda e estou procurando por todos os lugares, pois não posso e não quero desistir da vida, tenho uma filha dec8 anos e 1 filho de 1 ano e 9 meses que dependem de mim. Espero que vc possa me ajudar ou me dar algum conselho. Obrigada pela atenção.

    • A gestalt-terapia também funciona e questiono a afirmação de que a cognitivo comportamental seja abordagem mais indicada para pânico e Síndrome do Colon Irritável. A terapia cognitivo-comportamental é a mais a técnica psicológica mais pesquisada, mas não é nem maias indicada nem mais efetiva na maioria dos casos. Você poderá se beneficiar sim de processo terapeutico com gestalg, se profissional for competente e você efetivamente entrar em terapia – e não apenas ir às sessões. Boa sorte. Abraço

  150. OI boa tarde!

    tenho sindrome do intestino irritavel a seis anos, estou tomando lonium e agora minha gastro receitou Lexotan.
    você acha que vai ajudar?
    Ou preciso procurar outra profissinal em psicologia.
    Você conhece alguém em Florianóplis.

    desde ja agradeço atenção.

  151. sebastiao,tenho 58 tomo rivotril desde 1982,estou pensando seriamente em parar,mas receio nao conseguir pois ja se passaram 32 anos tomo 1 comp de 2 mg a noite, moro em vitoria esp. santo

  152. boa noite! Soube hoje a tarde que tenho SII, ainda estou “digerindo” a ideia, estou pesquisando sobre o assunto. o fato é q tenho uma vida saudável, faço academia regularmente, toma bastante agua, etc… Estou sem saber o porque!!! mas o fato é q estou muito inchada, ganhei 8 cm de circunferencia abdominal! não consigo nem caminhar!! d tanto desconforto. Moro em florianópolis, tem como m recomendar alguem??? aguardo ansiosa!

    • Olá Doutora, me identifiquei totalmente com a sua paciente. Tenho os mesmos sintomas e as mesmas características, de não conseguir se impor, por exemplo. Ja fiz todos os exames possíveis nesses 5 anos de sofrimento! Moro em Porto Alegre-RS, gostaria de saber se tens alguma indicação de psicólogo junguiano aqui. Muito obrigada por fazer surgir uma nova esperança!

  153. Dra. sofro deste problema horrível desde 2010 e agora estou em crise. Já fiz todos os exames possíveis e imagináveis e dá tudo normal. Já gastei todas as minhas economias com remédios e exames não cobertos pelo meu plano, moro em Brasília – DF e gostaria muito de fazer este tratamento contigo. Preciso saber se atende pelo meu convênio e caso contrário, gostaria de saber os valores das sessões. Obrigado.

  154. oi bom dia.. sofro dessa síndrome também, morro no interior de são Paulo. birigui.. gostaria de saber se há algum profissional q posso me indicar? beijos…

  155. Bom dia Dra,
    Tenho SII e sofro bastante com esse distúrbio. Gostaria de uma indicação de psicoterapeuta especializada em Recife – PE. Obrigada!

    • Oi, Aline. De Recife tenho os contatos da irmã de uma amiga, da psicóloga Maria do Socorro Beserra. Os telefones são 81 30912715, claro 81 92322760, tim 81 99541657. é uma pessoa muito preparada e experiente. Boa sorte. Abraço. Carmelita

  156. Boa tarde, sou Edésio moro na cidade de Osasco -SP, gostaria que auguem me indicasse um tratamento aqui em são paulo, sofro com este problemas a 12 anos , já fiz todos os exames que termina com pia varios exames de sague feses abdominal tolerancia a lactose e nada de resolver, vivo esses anos todo controlando tudo que como, esperando que mais uma crise; e assim nunca mais tive uma vida normal. pelo amor de Deus se auguem poder me ajudar vou ser eternamente grato!!!!!! meu Email – lima.edesio@bol.com.br

    • Leia comentários anteriores, Edésio: se não me engano, há contatos de profissionais em SP, que podem lhe render outras indicações – a partir deles. Boa sorte. Carmelita

  157. boa tarde eu acho que sofro de Cólon Irritado, não sei o que fazer to com isso tem quase 2 anos ja fiz todos tipos de exame ja fiz tratamentos mais os medicos nunca descobri o certo o que é sofro muito, queria sua ajuda pelo menos algumas dicas conselho para tenta me confortar.
    Esperto que responda sua de Alagoas qualquer coisa me responde.
    obrigado.

  158. Oi, moro em Araxá MG e tenho a SII a 10 anos e sempre fiz a terap cognitiva, vc teria contatos de profissionais aqui perto p/ me ajudar?

    • Infelizmente não, Douglas… tente obter alguma informação no Conselho Regional de Psicologia da sua cidade ou de uma grande mais próxima. talvez BH. Ou digite palavras chaves no Google como “terapia junguiana em Araxá”. Boa sorte.

  159. Prezada Dra. Carmelita, Sou de Goiânia e tenho SII há oito meses. Já emagreci 13Kilos. Você sabe se aqui tem algum profissional que podes me ajudar?
    Desde já muito obrigado.

  160. Carmelita, suas palavras são importantes para tantas pessoas, como vejo aqui. Para mim também. Gostaria que me indicasse uma terapeuta em Porto Alegre. Psiquiatra também, se for possível. Agradeço a você e desejo sorte a todos que enfrentam essa estranha batalha. Só nós sabemos o que é e como vamos perdendo pouco a pouco a alegria de viver.

  161. Infelizmente não conheço profissionais do RS, Gustavo; o que posso fazer é lhe passar o link do Instituto Junguiano do RS… lá tem contatos de alguns analistas. Veja se algum trabalha perto de vc. E quanto ao psiquiatra, o próprio psicoterapeuta que lhe atender pode indicar; costumamos ter parceiros da psiquiatria. Boa sorte.Volte sempre.
    IJRS:
    http://www.ijrs.org.br/?secao=conteudo&cont=25

  162. fui diagnosticada como sindrome do intestino irritavel mas nao tenho diarreia. o que sinto sao dores embaixo da barriga e muitos gazes e enjoo. nao tenho vontade de comer por causa do enjoo e ja emagreci. tomo duspatalim 2 vezes ao dia e prolive de manha. mas a dor ate da para suportar mas nao sei mais o que fazer. comecei a tomar lexapro a 5 dias e fazer terapia. vcs acham que pode ser sii, porque isso comecou depois de duas gastroenterites.

  163. Olá Núbia. Moro em São Paulo – Capital e tenho a SII, com diarréias frequentes. Gostaria de saber se vc poderia me indicar um profissional da sua linha e que tenha esperiência, como vc, em pacientes com essa doença.
    Obriagada.

  164. Boa noite, Dra. Sônia. Você teria algum indicação de profissional no Estado de Sergipe? Desculpe a minha ignorância mas como é realizado esse tratamento psicológico?? Tem que ser um psicólogo com algum curso diferente?? Desde já agradeço a oportunidade.

  165. SOFRO COM ISSO TEM ALGUNS ANOS E SO PIORA, PRECISO SABER SE TEM ALGUM PROFISSIONAL NA MINHA CIDADE QUE VCE ME INDICARIA.OBRIGADO…………. uberaba/minas gerais

  166. Oi boa noite,sofro com a sindrome a quase 3 anos,já fiz de tudo e nada melhora.Gostaria de saber se tem algum profissional para vc me indicar,mora em Mogi Guaçu interior de São Paulo.Obrigada

  167. Tbm procurem por Ressonância Harmônica- Professor Helio Couto! Sofri por 10 anos com SII e Depressão, hj estou curado. A questão é descobrir o que está por detrás da SII. O meu era ódio, raiva, rancor, remorso! Jung é a terapia certa… e AMOR a cura!

  168. Quantas sessões são necessárias por mês, sou do interior e para mim deslocar para capital seria muito caro!

  169. Olá, sofro com a SII. Tomo medicamentos, mas estes ultimamente não tem resolvido. Gostaria de investir num tratamento alternativo, incluindo psicoterapía. Moro em Fortaleza. Há profissionais do seu contato com a sua linha de atuação que você possa me indicar?

  170. Olá, gostaria de saber se você conhece algum profissional da mesma areá que você atua, em Curitiba ? Até mais

    • Não, Daniel, infelizmente não conheço psicoterapeutas de Curitiba nem de qq cidade do Paraná. Tente fazer uma busca no Google com palavras chaves do tipo “terapeuta junguiano em Curitiba” ou psicoterapia junguiana em Curitiba” ou ainda “instituto junguiano em Curitiba”. Boa sorte.

      • E QUAL É A CURA DOUTORA TOMO IMOSEC A VINTE ANOS E NAO POSSO COMER NADA GURDUROROSO NEM BEGBDA??E TO SEM GRANA PARA COMPRAR O REMEDIO

        Date: Mon, 8 Dec 2014 21:45:27 +0000 To: aw.vidal@hotmail.com

      • Muito obrigado pela informação! Carmelita, posso te mandar um e-mail? Queria que me explicasse essa forma de cura da síndrome, pois já fiz terapia com psicólogos e não tive nenhum resultado. Te mandarei um e-mail, e já gostaria de saber se você faz essa teria via skype ?

  171. Já vi em alguns lugares sobre terapia breve, que eu entendo que seja algo em menor duração. Funcionaria para SII também ? Vale a pena tentar?

    • Sim, Mara, vale a pena tentar; se vai funcionar com você ou não é impossível prever; depende de muitos fatores: suas singularidades e a capacidade técnica do psicoterapeuta, inclusive. Existe uma linha de terapia denominada de PSICOTERAPIA BREVE PROVOCADORA DE ANSIEDADE cuja proposta é resolver queixas pontuais, em pouco tempo, mas exige que o paciente reúna certas características, entre elas ser capaz de confrontos fortes, ter ego muito bem constituído e sofisticação psicológica para obter respostas rápidas,sem se desestruturar, entre outras. Problemas de somatizações como a SII, exigem terapia analítica, mas é possível fazer um processo analítico de duração breve, em certos casos. Caso deseje ler algo sobre isso, sugiro o livro do Peter Sifneos, de título PSICOTERAPIA BREVE PROVOCADORA DE ANSIEDADE; foi ele quem desenvolveu o método, que utilizei nos atendimentos do meu mestrado clínico e os resultados foram excelentes. Porém, foi necessário tomar muito cuidado com a seleção dos pacientes, Espero ter ajudado. Boa sorte. Abraço.

  172. Olá Carmelita, boa tarde. Li o atendimento que realizou com sua paciente e também li todos os comentários. Tive um choque emocional muito grande ao ter que passar com uma cirurgia de emergência na coluna. Recuperei-me super bem, graças a Deus. Porém, desde então desenvolvi hábitos intestinais irregulares (constipação) e muita flatulência. Estou sendo acompanhada há pouco tempo por um ótimo gastro e que indicou que eu buscasse orientação em um psiquiatra e psicólogo também. Pois, o gastro disse, após fazermos vários exames, que eu não tenho nada orgânico, que é de cunho emocional, que quando eu “melhorar”, “trabalhar” o meu emocional, esses sintomas não serão mais necessários em meu corpo. Passei pelo psiquiatra há poucos dias, ele foi excelente, soube traduzir muito bem em palavras tudo o que está acontecendo em minha mente, fez todo sentido para mim. Indicou o Lexapro e também psicoterapia, pois é essencial. Vi em alguns comentários o uso desse medicamento. Você teve algum paciente com SSI / constipação que o utilizou? Amanhã inicio terapia com orientação analítica. Tenho muito medo desses sintomas não passarem. Mas, todos os profissionais dizem que vai passar, que é apenas uma fase de minha vida. Também estou sendo acompanhada por uma nutricionista. Por favor, escreva para mim. Acredita que devo confiar em tudo que esses profissionais estão dizendo? Dizem que vou superar essa fase, mas… será um processo. Muito obrigada, abraços.

    • Sim, Daniela, tive pacientes com sintomas de constipação que tomava Lexapro e que recuperaram-se. Esse remédio é uma das opções medicamentosas no caso da SII porque atua na redução da ansiedade, diminuindo a sintomatologia e auxiliando na psicoterapia. Quando os sintomas são muito fortes e frequentes, a medicação é benéfica e necessária no início do tratamento. Você ficará bem, mas o psiquiatra está certo: a medicação é co-adjuvante no tratamento psicoterápico, i.e.: sem terapia os sintomas nunca desaparecem por completo ou somem, mas podem voltar. Se vc conseguir efetivamente entrar em análise, pode acreditar que tudo ficará bem. Concordo com eles: é um processo, exige certo tempo de manejo do problema, mas são reais as chances de você recuperar o bom funcionamento orgânico e psicoemocional. Vc já descobriu o caminho, agora é só caminhar; sem pressa e confiando (alimentando desconfianças vc não ajuda na redução da sua ansiedade). Você ficará bem. Abraço.
      Carmeltia

      • Olá Carmelita, muito obrigada pela resposta. Torça por mim. Grande abraço.

  173. Olá é Possível Fazer Uma Sessão Por Mês? e Você Pode Me Indicar Um Profissional Por Perto Ou Na Paraíba?

  174. Boa tarde Carmelita. Estou lendo constantemente o caso de sua paciente, pois está me enchendo de esperanças. Passei por um choque emocional muito grande e a partir daí comecei desenvolver irregularidade intestinal (constipação) e muita flatulência. Faço acompanhamento com um gastro há dois meses. Já sinto melhoras no funcionamento intestinal e flatulência sinto melhoras em apenas alguns dias. Parece que meu corpo está “gritando” e se “esvaziando” através da flatulência. O gastro pediu eu para procurar um psiquiatra, pois… após fazermos vários exames ele disse… tudo isso vai melhorar quando seu emocional melhorar. Indicou um psiquiatra e psicoterapia. Passei por um ótimo psiquiatra, receitou lexapro, estou tomando há 02 semanas.O psiquiatra conversou muito comigo e disse que eu somatizei o choque emocional que tive e que com a psicoterapia iria “elaborar” esse choque… que chegará um dia que meu corpo não precisará mais desses sintomas para se expressar. Disse que, com a terapia, terei que ver o que está por trás desse sintoma. Ou seja, faz muito pouco tempo que estou em busca de resolver essas questões… 02 meses com o gastro e 15 dias tomando o lexapro. É muito cedo para já começar ter resultados, não é? Nesta semana iniciarei psicoterapia de abordagem psicanalítica. Confesso… tenho muito medo de não me livrar desses sintomas. O que acha? A sua opinião é muito importante para mim. Muito obrigada.

    • Acho, Danúbia, que você foi muito bem orientada pelo seu psiquiatra e tb está bem medicada. As observações dele quanto à somatização e a necessidade de compreender o que os sintomas representam, em termos de reivindicação profunda da alma são perfeitas. O Lexapro é o que a maioria dos meus pacientes tomam e que lhes ajuda muito a aliviar os sintomas até que a psicoterapia comece a surtir efeito. A Psicanálise é excelente para esses casos. Apesar disso, é uma metodologia com a qual nem todas as pessoas se adaptam, principalmente as que gostam de terapia mais interventiva, com maior interação com o terapeuta. Caso seja seu caso, i.e, se vc não se adaptar à psicanálise, vc ainda pode trocar de método e buscar outra abordagem analítica, mas somente conseguirá se livrar definitivamente do problema com psicoterapia profunda; só medicação não resolve. Você está no caminho certo, agora é só caminhar. Boa sorte.

      • Muito obrigada Carmelita. Desculpa escrever e perguntar novamente… mas, ainda é cedo para eu esperar resultados com o lexapro, não é? Hoje completou duas semanas que estou tomando. Pelo que entendi… esse medicamento atua na ansiedade… diminuindo a ansiedade, contribuirá para diminuir os sintomas, é isso mesmo?

  175. Sim, ainda é cedo. Esta informação está na bula: “Como ocorre com outros medicamentos para depressão e transtorno do pânico, a ação do medicamento demora algumas semanas para ser percebida.”

  176. Olá Carmelita, boa tarde!
    Tenho SII há 4 anos. Estou começando a fazer terapia. Queria saber se pra ter efeito o psicólogo tem que ser junguiano?

  177. Carmelita, boa noite!
    Ao ler seu texto acima me enchir de esperança pois já estou a mais de 1 ano sofrendo com isso, depois de ser diagnosticado com essa maldita doença já tentei de tudo, recentemente procurei um psiquiatra e ele conversou bastantante comigo e disse que ia me tratar, me receitou um remédio chamado ecilex tomei mais de uma caixa e não sentir nem uma melhora, inclusive sentia fortes dores de cabeça como efeitos colaterais do remédio, desistir do tratamento, hoje a pouco vi algumas matérias sobre a aculpultura na ajuda da SII a sr. Ja ouviu falar? Oq acha? Enfim estou pensando em voltar no psiquiatra e tentar novamente, conhece algum profissional em fortaleza q possa indicar? Me dê uma luz a sr como já tratou isso oq acha que devo fazer para conseguir minha cura? Desde já agradeço.

  178. Dra. Carmelita, bom dia!

    Estou no inicio do tratamento com a razapina a menos de uma semana e gostaria de lhe perguntar você fala que a sua paciente N tinha varias restrições, no meu caso eu também tenho inclusive ao leite gostaria de saber se ela voltou a comer tudo normalmente ou se ela continuo com restrições ? é que queria muito saber se vou poder voltar a comer leite normalmente.

    • Sim! Ela voltou a comer DE TUDO, tudo mesmo. E não apenas ela, mas tb os outros pacientes que a sucederam e conseguiram entrar em terapia. O problema não é gástrico, então, ao ser resolvida a questão psicoemocional, os sintomas desaparecem. Mesmo! Claro, sintomas são apenas reivindicação da alma, do Self do sujeito exigindo que ele resolva o que precisa ser resolvido internamente (que às vezes é inconsciente). Se vc se dispuser a olhar-se com honestidade e coragem, e mudar o que precisa ser mudado, ficará totalmente livre das limitações alimentares. Boa sorte.

  179. Sofro desta doença a vários anos, dias melhores dias piores. Queria saber se em Brasilia existe um especialista nesta área, se o senhor pode me indicar, a clinica ou consultório. Agradeço desde já

    • Boa tarde Antonio Carlos. Também fui diagnosticada com o colon irritado e gostaria de trocar experiências. Meu e-mail é daniinf@yahoo.com.br. Gostaria muito de saber sobre quais sintomas apresenta. Se puder, escreva para o meu e-mail. Desde já, desejo sucesso no que buscamos.

    • Antonio Carlos, não ficou claro pra mim a quem você está se reportando, para quem está perguntando, já que usa o vocativo “senhor”. Sou eu, Carmelita Rodrigues, quem administra o blog e escreve os textos. É pra mim que vc está pedindo indicação de especialistas ou para algum dos leitores que fez comentários? Eu sou mestra em psicologia clínica e, portanto, especialista no assunto, na área de psicoterapia. Indicações de psiquiatras só posso fazer para meus pacientes, após conhecer a queixa deles e avaliar se precisam de medicação. Eu atendo em Brasília, na Asa Sul, mas se vc quiser indicação de outra psicóloga ou de um psicólogo homem, posso fazê-lo, com certeza. Escreva para meu email pedindo, OK? O endereço está na página “CONSULTÓRIO” deste blog.

  180. Olá Carmelita, boa tarde. Já escrevi uma vez para você e gentilmente respondeu. Estou no início do tratamento. Há um mês tomando lexapro e fazendo terapia (abordagem analítica). Durante esse mês já senti leves melhoras em meus sintomas… ainda um pouco longe de estar curada. Estou apresentando altos e baixos em meus sintomas (constipação e flatulência). Mas, como eu disse… já sinto algumas melhoras. Gostaria muito de saber se com os pacientes que atendeu com o diagnóstico da SII, inclusive com a N, se também foi assim, ou seja, também foram apresentando melhoras lentas e graduais? Ainda continuo com muito medo de permanecer assim o resto de minha vida. Sou jovem, amo viver e quero estar bem novamente. Mas, tenho medo que isso não passe. Será que ainda é cedo para eu já querer estar 100%? Não tive efeitos colaterais com o lexapro. E como já disse, já apresento leves melhoras em alguns dias. Agradeço demais se puder responder, estou me empenhando muito para voltar a ter o bem estar que sempre tive. Um grande abraço e muito obrigada pela força que dá a todos nós.

    • Ah… esqueci de dizer… estou gostando muito da terapia e da psicóloga. Ela não é ortodoxa na forma de trabalhar, no que diz respeito à abordagem analítica. Já fez algumas intervenções que fizeram muito sentido para mim, muito mesmo. Ou seja, está me ajudando a ir “ligando” conteúdos inconscientes. Também pede para que eu leve sonhos às sessões, pois podem dar “pistas” importantes. Muito obrigada mesmo.

  181. Bom dia Dra. Carmelita. Fui diagnosticado com a SII. Meus sintomas são constipação e muitos gases. Estou sendo acompanhado por um gastro de muita confiança. Após exames, ele disse que os sintomas que venho apresentando são de ordem emocional, pois… comecei a apresentá-los após uma situação traumática. Ele me encaminhou para um psiquiatra. Já tive uma consulta com ele. Prescreveu o lexapro e disse que eu somatizei esses sintoma. Também comentou que agora, para completar meu tratamento, preciso fazer terapia. Tanto o gastro como o psiquiatra dizem que vou ficar bem, que é apenas uma fase de minha vida, mas… que questões emocionais levam um tempo para serem resolvidas, por isso que a terapia é essencial. Sou do interior de São Paulo, já estou procurando uma boa psicóloga em minha cidade. Quero e vou fazer tudo para melhorar, inclusive iniciar a terapia, pois concordo plenamente nas causas emocionais dela. Pela sua experiência, a Dra. concorda com os médicos que me atenderam? Será que fazendo tudo o que é preciso, vou melhorar? Sei que cada caso é um caso, mas os pacientes que atendeu com esse queixa, após começarem a medicação e a terapia, levam em média quanto tempo para apresentarem melhoras? Agradeço muito se puder responder. Abraços.

    • Lamento, Junior. Não conheço psicólogos em GYN. Tente uma busca no Google digitando palavras chaves “psicoterapeuta junguiano em Goiânia” ou “psicologia junguiana em Goiânia”. Boa sorte. Att. Carmelita

  182. Olá Dra, que bom que encontrei esse post hoje. Amanhã tenho consulta com um psiquiatra e vou comentar com ele sobre a SII que tenho a 7 anos. Marquei a consulta por outro motivo e me dá esperança em saber que ele poderá me ajudar com isso também. Eu estou igual a sua paciente, super magra e com medo passar mal quando como, isso tá acabando comigo. Gostaria de saber se sua paciente voltou a comer o que antes não podia, e se devo procurar um psicólogo também. Eu tenho procastinado consultar com um por muito tempo porque não me sinto a vontade. Obrigada.

  183. Dra Carmelita, achei seu blog hoje, pois quase todos os dias procuro sobre doenças do intestino. Vou contar um pouco da minha história. Viajei pra Europa em abril de 2013 e lá comecei uma diarréia. Na verdade diarréias sempre fizeram parte da minha vida, apesar que fiquei um bom tempo sem. Fui consultando com gastro, e imunológista e acabei descobrindo a doença celíaca … Comecei a dieta sem gluten e sem lactose, e já fazem 8 meses e minhas diarréias nao pararam até hoje. Tive épocas de ir 10 vezes em uma noite só. Perdi 12 kg e muitas vitaminas, ferro, e estou atualmente fazendo a reposição com acompanhamento de um endocrIno nutrologista.
    Melhorei um pouco, mas as diarréias nao cessam. Estou com exames marcadas novamente. Fiz esta semana coloangioressonacia e na outra semana colonoscopia. Fui até Em Sao Paulo ( desculpe nao falei, sou de Belo Horzionte) consultar com um medico do Aberrt Einstein e ele disse que meus exames estão normais. Dentre as minhas doenças descobri em 2003 colangite esclerosante ( cirrose primaria) doença autoimune, tive 3 pançreatites de 2010 a 2011, e em 2012 descobri que tenho os IGGs baixo então tomo imunoglobulina no HC de Bh uma vez por mês. Agora apareceu a doença celíaca. Já tomei Amytril, mas achei que nao ajudou muito e eu ficava acabado no outro dia. Se puder me orientar ficarei grato. Abs. Marcus Camba

  184. Tenho 40 anos e estou com essas dores no estômago há quase um ano.
    No último mês, após bateria de exames (colonoscopia, endoscopia, ultrassom, sangue), o médico chegou a conclusao de sindrome do intestino irritavel.
    Me receitou Lonium 40mg, além de dieta. Fato é que não a dor continua. Não sei mais o que fazer…

    A senhora, doutora, que gostei muito do seu artigo lá em cima, podia me indicar um profissional de sua área para eu me consultar na cidade de Santos (SP)?

    • Dê uma olhada nos comentários anteriores, Manolo. Há indicações de profissionais de SP mencionadas anteriormente. Ou digite no Google os termos de busca “psicoterapia junguiana em SP” … vão aparecer alguns nomes. Não conheço ninguém de SP para indicar, infelizmente. Boa sorte.

  185. Olá Carmelita. Bom, pesquisando aqui na net, descobri os Florais junto com Iridologia. Lendo alguns artigos vi que esse Florais ajudam em muitas coisas e tb ajuda no tratamento da síndrome do Intestino irritado. O que você me diz sobre esse tratamento com Florais junto com a Iridologia ?

    • Lamento, Daniel, mas nada sei sobre iridologia tampouco sobre florais de bach… já ouvi falar, claro, mas não tenho conhecimentos sobre a matéria a ponto de poder recomendar ou desaconselhar.

  186. nossa, me lembro tao bem deste site! nunca me esqueço dele, no final do ano de 2011, o inferno bateu literalmente na minha porta!! ( começou a ter a doença mais macabra do universo: Síndrome do intestino irritável!!!!!!!!!!!!!!! ai eu lembro que ficava horas na internet pesquisando sobre diarreia cronica, e tudo o que eu achava imprimia! tenho ate hoje guardado as mais de 50 folhas (com comentários) que imprimi deste site.
    Pois é, desde de o segundo semestre de 2011, comecei a ter essa doença desgraçada e demoniaca!
    Nunca imaginei que um ser humano fosse ter tanta diarreia na vida como eu tive, desde de 2011, minha sindrome do intestino irritavel explodiu! na verdade eu tinha desde a adolescencia, mas foi no segundo semestre de 2011 que ela começou a ser tonar extremamente aguda! fiz todos os exames do mundo! colonoscopia, endoscopia, ultarssom, e tudo o que vcs possam imaginar!

    hoje sabe quantos comprimidos de imosec eu tomo por dia? 12!!!!!!!!!! é isso mesmo 12 comprimidos!!! nao tenho outra escolha, ou tomo o imosec, ou cago ate a alma!!!! alem da sindromem, tenho intolerancia severa a lactose, e tambem tenho problemas com frutose e gluten.

    comecei a tomar o imosec desde o 2º semestre de 2012, de la pra ca consigo fazer meu corpo calar a boca com ele, mas antes de toma ele eu me recordo que a minha diarreia era macabra!!!! gente vcs nao fazem ideia eu comia por cima e saia por baixo!!!!!!!!!!!!!!!!! tinha flatulencia demaissssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssss!!!!!!!!! nossa meu intestino nao parava de evacuar nunca!!!!!!!

    eu me lembro que no periodo de investigaçao da doença eu tinha umas 10 evacuaçoes ao dia!!!!!
    eu fiquei o ano de 2012 todinho fazendo exames, e tudo dava normal, exceto os testes de intolerncia a lactose e a frutose, mas minha vida se tornou um inferno, fiquei muto traumatizado, pois passava mal demais!!!!! era algo infernal, pois sou pobre e fiquei um ano fazendo exames, pois tinha que juntar dinheiro e fazer um exame de cada vez. ai era um sofrimento em dobro.

    acho que na reencarnação passada eu matei muita gente com facada na barriga por isso nasci com essa doença desgraçada e vagabunda, chamada sindrome do intestino irritavel!!!

    pobre com esse tipo de doença sofre demais!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! pois a alimentação e muito regrada! tudo tem que ser sem glutem, sem lactose, e alimentos assim sao caros. gente pobre nao pode ter esse tipo de doença.

    a familia nao esta nem ai pra mim! na verdade ninguem intendi o que e ter essa doença, eles pensam que e frescura, acha que agente quer ficar assim por quer.

    tenho 21 anos desde de os meus 18 a doença explodiu, mas na verdade desde os meus 16 anos eu ja percebia que havia algo de errado com meu intestino, pois tinha muita flatulencia, dor, inchaço so que nao era tao agudo como começou a ficar quando eu completei 18 anos de la pra ca a doença se manifestou.

    nossa tem muita coisa que leva ao desenvolvimento desta sindroem, fatores psicologicos, familiares, existe toda uma gama de fatores que levam ao desenvolvimento da sindrome do intestino irritavel, seu eu fosse contar minha historia em detalhes daria umas 300 paginas, pois a muitas coisas que levam ao desenvolvimento dessa doença!! eu sou extremamente ancioso, inquieto, nervoso nossa sou muitooooooooooooooooooooooooooo ancioso!!

    minha vida é o meu intestino, ele me condena!!!

    mas mesmo que eu seja ancioso, inquieto, nao e so isso que causa essa doença!! as pessoas pesam que é só psicologico, mas nao e bem assim. essa doença nao e psicologica, ela existe!

    os medicos(gastro) sao tudo vagabundo nao tao nem ai pro paciente, nem sabem direito sobre essa doença, ja fui nus 10 gastro e nem um deles soube me ajudar corretamente, pelo contrario alguns me maltratarm muito!!!!!1
    hoje tomo o imosec, e consigo levar a vida, mas nao me conformo! meu deus e muito sofrimento, e o pior e que os medicos nao sabem ter conduta.

    bem nao da pra contar minha vida aki, mas isso é so uma resenha, tem um milhao de coisas que ja passei e que ja aconteceu comigo por causa dessa doença e nao da pra contar tudo aki.

    meu e-mail e: rafael963456@hotmail.com
    nome: rafael joão

    OBS: estou usando e-mail e nome falso, pois prefiro preservar minha identidade, espero que nao haja problemas.

    • Veja se em sua cidade existe uma faculdade de psicologia (pública ou particular). Se houver, deve ter atendimento para a comunidade no centro de formação… serão atendimentos realizados por estagiários de psicologia, mas orientados por profissionais experientes. Essa costuma ser uma boa saída para quem tem limitações financeiras, porque os preços nos centros de formação são simbólicos ou nem são cobrados valores simbólicos, algo em torno de 15 ou 20 reais por sessão (no caso de universidades federais). Fora essa orientação, infelizmente não posso fazer mais nada, caro leitor, porque este blog não é de atendimento a distância nem de aconselhamento. Eventualmente dou uma ou outra dica, mas só; deixo claro sempre que as pessoas precisam buscar ajuda de profissionais em suas localidades de residência.

  187. esquci de dizer onde moro, anápolis-Goiás, queria que essa pscicóloga me ajudasse, ja faz tantos anos que vivo nessa caverna escura, sera que tem alguem com esse grau tao forte de sindrome do intetino irritavel igual eu? sera que alguem ja teve essa doença desse jeito que eu tive? queria que essa psicologa me falasse de alguem que tem essa doença igual eu, sei que tem gente q n gosta de falar q tem pois e muito contrangedor, mas sera que posso ter o e-mail, ou contato de alguem q tem essa doença assim igual eu? sera que essa pscicologa poderia me passar o contato de alguem, na medida do possivel, pois morro de vontade de conhecer alguem q tenha essa doença, a anos procuro alguem… que possa trocar experiencia comigo

    • Não tenho como passar-lhe email de ninguém, Rafael… leia comentários anteriores e verifique se há algum depoimento de queixa similar à sua e se a pessoa deixou email. Tudo que posso lhe dizer, já disse: procure orientação de um (uma) profissional presencialmente para lhe orientar… certos problemas não se resolve pela internet. As pessoas têm limites éticos, como por exemplo, o que me impede de transformar este blog em aconselhamento e/ou autoajuda; é apenas informativo – quando possível.

      • Nossa! Imaginei que vc fosse me ajudar!, ja li vários depoimentos de muitos aqui deste blog, e nunca vi um caso tão severo como este meu. Por favor me diga vc conhece alguem que tenha Síndrome do Intestino Irritável igual eu? Por favor, por favor mesmo me diga, se tiver converse com essa pessoa e veja se ela pode me passar algum contato tipo e-mail, faça isso pelo amor de Deus! Sinceramente (sem fazer drama) pensei q vc fosse me ajudar, dar umas dicas…. se não puder escrever aqui me mande um e-mail particular. Nossa eu lendo ai os comentarios, vejo vc dando dicas para as pessoas, falando de remédios, nao vai falar nada pra mim? Nem um dica? nada?

  188. Olá Carmelita! Eu de novo por aqui… estou meio confuso com o tratamento e também muito otimista. Bom, estou correndo atrás desse tratamento, mas queria que você me tirasse essas dúvidas que eu tenho a respeito desse tratamento. Eu estou procurando uma ou um psicologo com base analítica, mas eu vi nos comentários acima que você diz para procurar por psiquiatria analítica. O tratamento é com Psiquiatria Analítica ou Psicologia Analítica?

  189. Gostaria de saber se medicamentos são necessários também no tratamento, pois se for com Psicologia, os psicólogos não podem receitar remédios, só os psiquiatras… o tratamento para a cura da SII tem que ser com os dois profissionais analíticos ? Impossível ser só com Psicologia Analítica ? ): Pois aqui na minha região até agora não encontrei psiquiatria analítica e creio que fazer tratamento com os dois profissionais seria muito caro caso não atendam pelo meu plano de saúde. Desculpa por tantas perguntas.

  190. Boa tarde Dra. Carmelita. Sei que cada casa é um caso. Mas, fazendo esse tratamento com psiquiatra e terapia analítica, quanto tempo a pessoa leva para apresentar melhoras? As melhoras são graduais? Durante o processo, o paciente pode apresentar “altos e baixos” nos sintomas?
    Agradeço muito se puder responder.

    • Realmente cada pessoa reage de modo muito próprio; e manifestações também depende das causas. Mas de modo geral, após algumas semanas os sintomas começam a desaparecer, principalmente se o analista adotar método de psicoterapia focal. As melhoras são graduais, sim. Altos e baixos são normais. O ideal é a pessoa não se preocupar com o tempo de tratamento, inclusive para não gerar ansiedade. Ajuda muito considerar os sintomas como aliados, como resposta do organismo que representam reivindicação da alma para que alguma coisa inconsciente seja entendida e resolvida. Um bom analista saberá conduzir o processo de modo adequado e tranquilo. Boa sorte

      • Muito obrigada Dra. Carmelita. A sua resposta ajudou muito. Torça por mim.

  191. Desculpe me, você disse psicoterapia junguiana, certo? Psicoterapia é com psicologo ? Com qual profissional eu devo realizar esse tratamento? Estou com dúvidas… Bjs!

    • Olá Rafael. Li todas as dicas dadas neste site. Se eu estiver errado, peço, por gentileza, que seja corrigido. Vou escrever algumas coisas a você a partir do que eu acho e a partir de algumas dicas dadas no site.
      Em primeiro lugar, é importante manter a calma, por mais difícil que seja a situação. O desespero apenas faz piorar tudo. Segundo, pelo que entendi, existe cura para a síndrome. Porém, é necessário que a pessoa busque ajuda com os profissionais. Acredito que buscar essa ajuda profissional e fazer o tratamento seja mais importante do que procurar pessoas que tenham uma síndrome parecida com a sua. Quais profissionais buscar? Como a Dra. Carmelita orientou, buscar um ou uma psicóloga para você fazer terapia. Você pode encontrar esse tipo de atendimento gratuitamente ou por preços simbólicos em universidades. Ou seja, o primeiro passo é: fazer terapia, buscando atendimento psicológico, seja ele particular ou gratuito em uma universidade.
      Fazendo terapia, se o psicólogo analisar seu caso e verificar que o uso de algum medicamento seja benéfico, ele vai te encaminhar a um psiquiatra.
      Com tudo isso, o que estou querendo dizer a você… busque ajuda de profissionais da sua cidade ou de região próxima. Busque ajuda e não desista de você. Como já foi dito, infelizmente, a solução de muitos problemas não está na internet e sim em profissionais que irão acompanhá-lo face a face, de maneira próxima. Não sei se consegui ajudar, mas… a mensagem é… não desista de você e procure ajuda. Esse site deixa bem claro o caminho que devemos percorrer para isso. Que é o caminho de buscar ajuda de um psicólogo (a). Não perca tempo, procure em sua cidade profissionais dessa área que possam atendê-lo. Ligue nas faculdade de sua cidade também. Espero, sinceramente, de alguma forma ter ajudado. Desejo muita força, fé e que procure ajuda.

      • oi marcelo vc tambem tem Sindrome do intestino irritavel igual eu? gostaria de compartilhar algo comigo? como e o seu caso? Bem em relaçao ao q vc falou de procurar atendimento pscicológico em universidades, eu ja fiz um ano de terapia so com pscicólogo em uma universidade aqui da minha cidade, depois fiz mais 6 meses de terapia com psiquiatra mais psicologo, nao tive muito exito, quando fiz terapia com a psicologa na faculdade, eu nao tive muito exito pois ela n compreendia bem esssa questao da Sii.
        hj estou tentando arrumar um psicologo, pois sei que essa sindrome tem muito haver com o emocional.

  192. Nossa! Imaginei que vc fosse me ajudar!, ja li vários depoimentos de muitos aqui deste blog, e nunca vi um caso tão severo como este meu. Por favor me diga vc conhece alguem que tenha Síndrome do Intestino Irritável igual eu? Por favor, por favor mesmo me diga, se tiver converse com essa pessoa e veja se ela pode me passar algum contato tipo e-mail, faça isso pelo amor de Deus! Sinceramente (sem fazer drama) pensei q vc fosse me ajudar, dar umas dicas…. se não puder escrever aqui me mande um e-mail particular. Nossa eu lendo ai os comentarios, vejo vc dando dicas para as pessoas, falando de remédios, nao vai falar nada pra mim? Nem um dica? nada?

  193. Alguem de Fortaleza conseguiu atendimento?
    Quem quiseres trocar informações me Add no whatz 8598116551

  194. Sofro de sii por muito tempo com diarreia. Durante muitos anos fiquei boa, tive dois filhos, tomando Questran e Plantabem. Também fiz terapia por 7 anos e tomo amitriptilina. Piorei muito depois que tirei a vesícula, agora sofro mais com enjoos e prisão de ventre intercalada com diarreia. Realmente é um grande sofrimento. Espero melhorar com a ajuda de médicos, remédio e terapia, mas acima de tudo com a ajuda de Deus, só Ele pode fazer milagres.

  195. Me ajude estou com sii remédio siilif nao me ajudou estou de bom humor mas pq passo mal .queria procurar um psiquiatra so q minha mae diz q vou ficar louca

  196. Olá! Tenho Síndrome do Intestino Irritável e demorei muito para descobrir r encontrar o médico certo. Depois de muito tempo encontrei o anjo que cuida do meu problema e só ele consegue resolver o meu problema quando estou em crise com os medicamentos certos. Este profissional atende em Santos/SP e seu nome é Sr. Aristides Rodrigues Júnior. Acreditem ele pode ajudar quem está com esse problema.

  197. Olá, tenho 17 anos e há algum tempo fui diagnosticado com a SII, na verdade foi apenas um comentário de um gastro que eu particularmente odiei. Aliás, não tenho dado muito certo com esses médicos que tratam do aparelho digestivo, cada um fala uma coisa… Mas o que ajudou mesmo no meu caso foi terapia. Entendi que a diarréia que sentia/sinto nada mais é do que uma somatização das minhas emoções; que ao guardá-las para mim, não “desabafar”, elas eram meio que direcionadas ao dito segundo cérebro. (O nome não é à toa, né? Hahahah).

    Enfim, hoje meu lado emocional está estabilizado (esqueci de comentar que tenho fobia social, ou seja, já da pra entender como foi que surgiu a síndrome…), tomo paroxetina, continuo fazendo terapia, infelizmente ainda não consegui largar do famigerado Imosec: sinto que meu intestino se tornou dependente dele. Mas ler esse texto me deixou cheio de esperança. É por isso que amo a psicologia e todas as pessoas que exercem essa profissão tão importante pra humanidade! Um beijo e bom trabalho, doutora.

    • Estamos todos torcendo por você, João Victor. É um rapaz inteligente e perspicaz: vai resolver tudo que precisar ser resolvido. Obrigada pelo incentivo. Grande abraço.
      Carmelita

    • É muito bom e incentivador ver o comentário de outras pessoas que estão lutando e seguindo o mesmo caminho que eu (acompanhamento psiquiátrico e terapia). Também tomei consciência, através dos profissionais que me acompanham e do blog da Dra. Carmelita, que a SII é uma somatização, ou seja, direcionei ao corpo toda tensão emocional e angústia que vivi. Também agradeço a Dra. Carmelita, por ter construído esse blog, e todos os profissionais que me acompanham (psicóloga, psiquiatra, gastro e nutricionista). Desejo coragem, paciência e vitória a todos.

  198. Bom dia, alguém teria um (uma) profissional para indicar em Ribeirão Preto SP, com experiência nesses casos ? Psicóloga ou Psiquiatra ? Obrigado Henrique.

  199. Olá, descobri SII faz um ano, mas ainda não me adaptei com essa doença. Gostaria de saber se em Teresina-PI existe um profissional que saiba trabalhar mais diretamente sobre isso. Voce conhece algum? Obrigada.

  200. Cada dia pasa revotril nao faz efeito chego a tomar 6 comprimudo 2 mg e a 20 dias nao controlo a diarreia uso aprazolan 0.5 e depakot 500mg medico so deu floratil e nao melhora

  201. Agosto de 2014 comecei a tomar o antibiótico Minociclina (para tratar acne). No segundo e último mês de uso do minociclina, comecei a ter diarréia e enjôo, bem frequentes. Fiquei até o fim de outubro esperando ter melhora, pois se era efeito colateral do remédio então ele deveria passar ao parar de tomar. Mas não parou, e fui ao gastro. Fiz exame de parasitologia e nada, fiz colonoscopia e deu na biopsia (mucosa colônia com denso infiltrado eosinofilico em submucosa) eu nem sei oque é isso e o gastro só me falou que meu intestino está inflamado, isso em janeiro de 2015. Me receitou Trimebutina por um mês e meio. Até aí meu mau estar de enjôo passou não sinto mais. Porém a urgência de ir ao banheiro contínuo. Depois desse mês e meio. Ele me receitou o Mensalazina, dois comprimidos de manhã e dois a noite. Ah urgência diminuído mas faço coco todo os dia pelo menos uma vez ao dia. E não é um coco normal, mas sim um semi normal. Difícil de explicar. Porém não sinto dor nem nada. Só a urgência e essa diarréia. Será que alguem pode me fala o que pode ser ?!! Pq o meu médico só diz que está inflamado e ponto. E passa mais remedio. Se eu to doente blz. Mas queria eu saber o que eu tenho. Pq eu to vivendo com uma doença e no escuro, por não saber o que realmente eu tenho.

    • EU TENHO A MESMA COISA QUE VC SO QUE NAO DEIXO VIRAR DIARREIA , EU TOMO IMOSEC , 36 CARTELAS MAS VC TEM QUE IR NO MEDICO E MUDAR SUA ALIMENTAÇAO TOTAL TIRAR O LEITE , QUE DA ENJOO TIRAR A CARNE COMER MENOS EVITAR AÇUCAR EU ATE JA GANHEI NA JUSTIÇA PARA PODER TOMAR ESTE REMEDIO É CARO TOMO 5CAIXAS MAS TEM QUE IR NO MEDICO PORQUE TEM CONTRAINDICAÇAO , MAS O PRIMCIPAL E EVITAR COMER DOCE E CARME , LEITE AFF É MUITA COISA É MAIS FACIL EU FALAR OQUE EU COMO, EU COMO CHUCHU CENOURA, BATAT , FRANGO E PEIXE E TRES VEZES POR SEMANA CARNE MAS TEM QUE IR NA NUTRICIONISTA OK

      • Mas esse problema tem nome?! É alguma doença conhecida?! Pq eu vou aos médicos e nenhuma fala nada. Só me fazem toma remedios caros e não me dizem oque é. Eu gostaria de saber se tem possibilidade de cura ou não. Mas só me fazem fica tomando remédio sem saber do que to tratando.

    • Fazer psicoterapia certamente irá lhe ajudar e se seus sintomas forem de fundo psicoemocional, com um processo analítico bem-sucedido é provável que os remédios deixem de ser necessários. Infelizmente não conheço profissionais de SP pra indicar mas vc pode fazer uma busca pelo Google digitando, por exemplo, algo como terapeutas junguianos em SP. Boa sorte.

  202. Olá td bem? Há uns 3 anos sofro com a SII e não aguento mais! Não trabalho, não estudo, parei com o pilates e estou relutando e voltar pelo menos aos exercícios básicos da academia. Moro no RJ e minha família e a do meu marido em SP, odeio ter q viajar e ficar na casa deles e tbm não gosto mto quando acontece o contrário, pois sofro demais com cólicas, diarréias, ou prisão de ventre e os malditos gases. Vivo a base de buscopan composto e simenticona. Quero muito engravidar mas desde que comecei com as crises da SII nunca mais fui ao ginecologista. Não sei mais o que fazer estou em desespero. Já tomei remédios de trimebutina e não adianta.

  203. Olá, além dos sintomas do intestino irritável, também começou a desenvolver em mim varizes, que ví em vários sites que pode ser de origem emocional, o que acha? seria bom psicoterapia?

  204. Olá Carmelita. O que você acha da Terapia cognitivo-comportamental para tratar e conseguir uma cura na SII ? Com essa terapia eu conseguiria a cura para SII ?

    • Pouco provável, Daniel, que vc se livre de uma SII ou de qq outra síndrome com essa abordagem, embora venha a se beneficiar de alguma forma, pq a cognição de eventos externos com um olhar mais funcional e a mudança de paradigmas pode lhe ajudar a organizar algumas coisas e trazer benefícios. Mas a resolução definitiva passa pelo esvaziamento de complexos psicológicos de elaboração de conteúdos inconscientes, resultado de um bem sucedido processo analítico, não apenas psicoterápico. mas já é melhor que nada!

  205. Boa tarde,

    Queira por favor, informar-me se em Portugal tenho este tipo de tratamento.

    Obrigada

    Fátima Azevedo

    • Sim, Fátima. Psicotrapia analítica, baseada na abordagem de Carl Jung, existe em todos os países desenvolvidos. Tente digitar no buscador da internet “psicoterapia analítica em Lisboa”, por exemplo, ou digitando o nome da sua cidade. Boa sorte.

  206. Parabéns pelo Dia do Psicólogo Carmelita!

    Que continue exercendo essa linda profissão por muito tempo!

    Grande abraço!

    • Ow! Obrigada, Daniela, pelo gesto gentil e carinhoso. “Eu tenho o melhor trabalho do mundo”.
      Quem disse isso foi meu ex-professor Jorge Ponciano, com quem compartilho integralemnte o sentimento de gratidão e realização. Abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alteração )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alteração )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alteração )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alteração )

Conectando a %s