Professores do DF estão doentes

“Pesquisa realizada pela Universidade de Brasília revela que os professores da rede pública DF estão cansados, doentes e trabalhando demais, inclusive para suprir deficiências da merenda escolar. Estudo feito em uma escola-classe de ensino fundamental (1ª a 4ª série) na Asa Norte mostra que o trabalho intensificado pelas mudanças no comportamento da sociedade e as políticas públicas ineficientes prejudicam a saúde dos professores.“

O estudo, da pedagoga Sandra Jaqueline Barbosa, confirma o que já se desconfiava: os pais estão transferindo para a escola o papel de educar seus filhos e as instituições não estão prontas para isso. “A famosa educação que vem de berço, não é mais o pai ou a mãe que dão, agora é função das escolas. Os pais estão mais preocupados em suprir necessidades materiais e acabam trabalhando muito”, explica a pedagoga.

O Sindicato dos Professores do Distrito Federal (Sinpro/DF) tem recebido muita solicitação de ajuda para questões ligadas à saúde. “Os professores estão apresentando sofrimentos psíquicos pela intensificação do trabalho”, explica a pesquisadora. Um dos diretores do Sinpro/DF, Ilson Bernardo conta que a demanda cresceu. “Tivemos que abrir um espaço para atender a saúde porque os casos extrapolam o que poderíamos considerar razoável”.

Leia matéria completa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s